Liberdade de expressão e ponderação de valores: tutela da dignidade da pessoa humana versus hate speech

Jaianny Saionara Macena de Araújo, Magno Gurgel Saraiva, Adriano Marteleto Godinho

Resumo


RESUMO

Este trabalho tem como objetivo desenvolver a discussão sobre a liberdade de expressão e seu conflito com o discurso de ódio no ordenamento jurídico brasileiro. Deste modo, expõe-se o entendimento e a dimensão do discurso de ódio, assim como sua resolução diante de casos concretos e a reparação civil pelos danos oriundos. Neste contexto, a Ciência Jurídica não pode ser indiferente ao conteúdo dessas normas, tampouco à sua capacidade de adequação aos problemas sociais. O exercício das liberdades civis, sob este prisma, tem muito a ser enriquecido, à medida que se expande a compreensão – antes eminentemente limitada à esfera normativa privada – e passa a tratar da proteção e garantia de direitos com uma preocupação finalística que deve cuidar evidentemente dos direitos humanos, de sua validade fundada tanto na lei, quanto na Constituição, e de sua real eficácia em favor da dignidade humana.

PALAVRAS-CHAVE

Direitos Humanos. Direitos Fundamentais. Discurso de ódio. Dignidade da pessoa humana. Liberdade de expressão.

 

ABSTRACT

This paper aims to develop the discussion about freedom of expression and hate speech in the Brazilian legal system. Thus, it shows the concept and dimension of hate speech, as well as the resolution in specific cases and the civil liability for damages. In this sense, Law can’t be indifferent to the content of these rules, neither to its adequation capacity towards the social problems. The exercise of civil liberties, based on this conception, has a lot to be enriched, as far as it expands the understanding – previously limited eminently to the private normative sphere – and moves on to the protection and guarantee of rights with a concern that obviously has to take care of human rights, as well as its real effectiveness in favor of human dignity.

KEYWORDS

Human rights. Fundamental rights. Hate speech. Human dignity. Freedom of speech.


Palavras-chave


Direitos Humanos; Direitos Fundamentais; Discurso de ódio; Dignidade da pessoa humana; Liberdade de expressão

Texto completo:

Versão virtual (101-115)

Referências


ALMEIDA, Rafael Luft de. A liberdade de Expressão e o Discurso de Ódio na Era da Internet. Revista de Direitos das novas tecnologias, São Paulo, n.8, jul/2011-jun/2012. p. 16.

ALEXY, Robert. Teoria de los derechos fundamentales. Madrid: Centro de Estudios Políticos y Constitucionales, 2002.

ANDORNO, Roberto. “Liberdade” e “dignidade” da pessoa: dois paradigmas opostos ou complementares na bioética? In: MARTINS-COSTA, Judith; MÖLLER, Letícia Ludwig (Org.). Bioética e responsabilidade. Rio de Janeiro: Forense, 2009, p. 73-93.

BRASIL. Constituição (1988). Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília, DF: Senado Federal: Centro Gráfico, 1988.

BRASIL. Pesquisa IBOPE: brasileiros passam uma média de 5,3 horas diárias na frente do computador pessoal. Disponível em: . Acesso em: 26 fev. 2016.

BRASIL. Presidência da República. Secretaria de Comunicação Social. Pesquisa brasileira de mídia 2015: hábitos de consumo de mídia pela população brasileira. Brasília: Secom, 2014.

CANOTILHO, José Joaquim Gomes; MOREIRA, Vital. Constituição da República Portuguesa anotada. 4. ed. Coimbra: Ed. Coimbra, 2007.

CASTELLS, Manuel. A era da informação: economia, sociedade e cultura. São Paulo: Paz e Terra, 1999.

COSTA, Ana Paula Correia de Albuquerque da; FERREIRA, Priscila; SOUZA, Clarissa Gomes de. Direitos Humanos na seara jusprivatística: a tutela da personalidade. In: GODINHO, Adriano Marteleto; COSTA, Ana Paula Correia de Albuquerque da; FEITOSA, Maria Luiza Pereira de Alencar Mayer (org.), Humanização Do Direito Civil-Constitucional: Perspectivas E Desafios. Florianópolis, Conceito, 2014.

DÍEZ-PICAZO, Luis Maria. Sistema de derechos fundamentales. Madrid: Thomson-Civitas, 2003.

FARIAS, Cristiano Chaves de; ROSENVALD, Nelson. Direito civil: teoria geral. Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2008.

LÉVY, Pierre. Cibercultura. Tradução de Carlos Irineu Costa. São Paulo: Ed. 34, 1999.

LÉVY, Pierre. Ciberdemocracia. Lisboa: Editions Odile Jacob, 2002.

MACHADO, Jónatas. E. M. Liberdade de expressão: dimensões constitucionais da esfera pública no sistema social. Coimbra: Coimbra Editora, 2002.

MARMELSTEIN, George. Curso de direitos fundamentais. 3. ed. São Paulo: Atlas, 2011.

MIRANDA, Jorge. A dignidade da pessoa humana e a unidade valorativa do sistema de direitos fundamentais. In: Estudos em homenagem ao Prof. Doutor Martim de Albuquerque, v. I. Coimbra: Ed. Coimbra, 2010.

NOVAIS, Jorge Reis. Os princípios constitucionais estruturantes da República Portuguesa. Coimbra: Ed. Coimbra, 2004.

ORTIZ-ORTIZ, Rafael. La dignidad humana y el desarrollo de la personalidad como premisa axiológica del constitucionalismo venezolano. Revista de la Fundación Procuradoria, Caracas, a. 11, n. 14 (1996), p. 15-297.

OTERO, Paulo. Disponibilidade do próprio corpo e dignidade da pessoa humana. In: CORDEIRO, António Menezes et al (org.). Estudos em honra do Professor Doutor José de Oliveira Ascensão, v. I. Coimbra: Almedina, 2008, p. 107-138.




DOI: https://doi.org/10.22456/0104-6594.84601

Apontamentos

  • Não há apontamentos.