ISOMETRIAS E GEOGEBRA: O PAPEL DO ARRASTAR NA CONSTRUÇÃO DE CONCEITOS

Marlei Tais Dickel, Márcia Rodrigues Notare

Resumo


Neste trabalho discute-se o potencial dos ambientes de geometria dinâmica para a construção de conceitos de isometrias. Debate-se o papel da ação de arrastar na manipulação de atividades dinâmicas sobre isometrias com a utilização do GeoGebra. De caráter qualitativo, neste estudo são analisadas atividades matemáticas resolvidas por alunos do 3º ano do Ensino Médio, da Rede Pública, com base na Teoria das Tecnologias Cognitivas e nas análises cognitivas do arrastar. Os resultados apontam para a compreensão inicial de conceitos que envolvem as isometrias, que surgem a partir da manipulação no software, em forma de arrastamento, conduzindo à construção de pensamentos matemáticos em conjunto com a tecnologia.

Palavras-chave


Isometrias, GeoGebra, Tecnologias Cognitivas, Geometria Dinâmica.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1679-1916.86016

Direitos autorais 2018 RENOTE



RENOTE - Revista Novas Tecnologias na Educação      ISSN 1679-1916

A RENOTE, possui a nota Qualis B1 (Ensino) e B1 (Interdisciplinar) no Sistema de Avaliação da CAPES.

Centro Interdisciplinar de Novas Tecnologias na Educação (CINTED) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Avenida Paulo Gama, 110 - Anexo III – 3o andar
Porto Alegre, RS, Brasil – CEP: 90040-060

Telefone: (51) 3308-4100
E-mail: renote@cinted.ufrgs.br