Sociedade em Rede e categorias de análise de interação: programação LOGO e aprendizagem de Matemática

Daniela Stevanin Hoffmann, Léa da Cruz Fagundes

Resumo


Este artigo estuda as interações entre estudantes do curso de Licenciatura em
Matemática da Universidade Federal do Rio Grande do Sul em uma proposta didática,
apoiada na utilização de Tecnologias da Informação e Comunicação, fundamentada em
princípios da Epistemologia Genética. Seguindo a metodologia de pesquisa do
Laboratório de Estudos Cognitivos do Instituto de Psicologia (LEC/IP/UFRGS), foram
definidas categorias para analisar os registros que indicaram um movimento de
transição de uma postura passiva, receptora de informações, para uma postura ativa,
produtora de conhecimento, na qual os graduandos foram desenvolvendo atitudes,
habilidades e competências do perfil do sujeito da Sociedade em Rede. Os dados foram
colhidos na Lista de Discussão de e-mail da disciplina Computador na Matemática
Elementar. Acreditamos que essas categorias possam ser utilizadas no acompanhamento
de situações de aprendizagem a distância e/ou que façam uso de Tecnologias Digitais

Palavras-chave


categorias de interação; aprendizagem de matemática; sociedade em rede; tecnologias da informação e comunicação

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1679-1916.13882

Direitos autorais



RENOTE - Revista Novas Tecnologias na Educação      ISSN 1679-1916

A RENOTE, possui a nota Qualis B1 (Ensino) e B1 (Interdisciplinar) no Sistema de Avaliação da CAPES.

Centro Interdisciplinar de Novas Tecnologias na Educação (CINTED) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Avenida Paulo Gama, 110 - Anexo III – 3o andar
Porto Alegre, RS, Brasil – CEP: 90040-060

Telefone: (51) 3308-4100
E-mail: renote@cinted.ufrgs.br