Gestão e transparência de dados educacionais na rede estadual paulista (1995-2018): a hegemonia gerencial

Eduardo Donizeti Girotto, João Victor Pavesi de Oliveira, Isabel Furlan Jorge

Resumo


O artigo discute o sentido das políticas de dados educacionais desenvolvidas pela Secretaria Estadual de Educação de São Paulo (SEDUC-SP) entre 1995 e 2018. Realizamos levantamento das principais legislações que nortearam as políticas de gestão de dados educacionais na SEDUC-SP, articulando modelo de gestão do Estado e relação com a sociedade civil. Os resultados apontam para uma política de dados vinculada, predominantemente, a racionalidade gerencial, a produção de resultados quantitativos, responsabilização e racionalização dos gastos em consonância com a centralidade que os princípios da Nova Gestão Pública assumiram nas políticas da SEDUC-SP no período analisado.


Palavras-chave


Dados Educacionais. Gerencialismo. Política Educacional.

Texto completo:

PDF

Referências


ADRIÃO, T. Oferta do ensino fundamental em São Paulo: um novo modelo. Educação & Sociedade, vol. 29, nº 102, janeiro-abril, 2008.

AZANHA, J. M. Uma ideia de pesquisa educacional. São Paulo: EDUSP, 2014.

BOBBIO, N. O futuro da democracia. 2ª edição. São Paulo: Paz e Terra, 1986.

BAKER, R. S. J. de; ISOTANI, S., CARVALHO, A. M. J. Baker de. Mineração de dados educacionais: oportunidades para o Brasil. Revista Brasileira de informática na educação, vol. 19, n. 2, 2011.

CALDERANO, M. da A. et al. O que o IDEB não conta. Juiz de Fora: EDUJF, 2013.

FLETCHER, P. R. Propósitos da Avaliação Educacional: uma análise das alternativas. Estudos em Avaliação Educacional. n. 11, 1995.

FREITAS, L. C. de. Eliminação Adiada: o ocaso das classes populares no interior da escola e a ocultação da (má) qualidade de ensino. Educação & Sociedade. vol. 28, n. 100, outubro, 2007.

GIROTTO, E.; PASSOS, F.; CAMPOS, L.; OLIVEIRA, J. A geografia da reorganização escolar: uma análise espacial a partir da cidade de São Paulo. Educação temática digital, v. 19, 2017.

ISSA, M. K. Dados abertos Governamentais: Implicações e possibilidade em políticas públicas. 2013. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo.

LIMA, A. A. A.; SOUSA, F. P. Censo Escolar da Educação Básica: Uma referência para elaboração de políticas públicas e transferência de recursos para Educação Pública. Revista Com Censo: Estudos Educacionais do Distrito Federal, [S.l.], v. 1, n. 1, p. 94-102, dez. 2014. ISSN 2359-2494. Disponível em: . Acesso em: 23 jan. 2020.

MARTINS, A. Uma análise da municipalização do ensino no estado de São Paulo. Cadernos de Pesquisa, n. 120, novembro, 2003.

RAMOS, G. P. Racionalidade e gerencialismo na política educacional paulista de 1995 a 2104: muito além das conjunturas. Ensaio: avaliação de políticas públicas educacionais. Rio de Janeiro, v. 24, n. 92, jul.-set., 2016.

SANTOS. O. A. R. Minha Escola Transparente: Uma análise comparativa do uso de dados governamentais abertos na educação básica no Brasil e Inglaterra. Dissertação (Mestrado) apresentada na Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas, Centro de Formação Acadêmica e Pesquisa. FGV. 90 p. Rio de Janeiro, 2014.

SÃO PAULO. Resolução SE nº 15. Dispõe sobre procedimentos quanto à autorização de transformação de escolas, instalação, criação e extinção de classes. São Paulo: SEE-SP, 1996a

SÃO PAULO. Resolução SE nº 17. Constitui o Grupo Setorial de Informações Estratégicas e dá providências. São Paulo: SEE-SP, 1996b.

VERGER. A; NORMAND. R. Nueva Gestión Pública, y Educación: Elementos teóricos y conceptuales para el estudio de un modelo de reforma educativa global. Educação & Sociedade. v. 36, nº 132, p. 599-622. Campinas, 2015.




DOI: https://doi.org/10.21573/vol36n32020.99902

INDEXADORES

BBE – Bibliografia Brasileira de Educação (Brasília, MEC/INEP)
CLASE – Citas Latinoamericanas en Ciencias Sociales y Humanidades (México, UNAM)
DIADORIM - Diretório de Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras
DOAJ - Directory of Open Access Journals
DRJI - Directory of Research Journals Indexing (Maharashtra, India)
Edubase (SBU/UNICAMP)
LATINDEX - Sistema Regional de Información em Línea para Revistas Científicas de América Latina, el Caribe, España y Portugal
Portal de Periódicos da Capes/MEC
Scielo Educ@ - Fundação Carlos Chagas-FCC, São Paulo/Brasil
Science Library Index - Meadow Springs, Mandurah State, Austrália
SUMÁRIOS.ORG - Sumários de Revistas Brasileiras

 

Licença Creative Commons
Revista Brasileira de Política e Administração da Educação,
da Associação Brasileira de Política e Administração da Educação
está licenciada com uma Licença
Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em http://seer.ufrgs.br/index.php/rbpae/index

ISSN versão impressa: 1678-166X
ISSN versão eletrônica: 2447-4193

Prefixo DOI: 10.21573