Nova Gestão Pública e Gestão Democrática da Escola: as experiências da primeira fase de implementação do Programa Ensino Médio Inovador

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21573/vol37n12021.108056

Palavras-chave:

Ensino Médio, Programa Ensino Médio Inovador, Gestão Democrática, Nova Gestão Pública.

Resumo

O artigo analisa as implicações das abordagens de gestão democrática e de gestão gerencial na experiência de implementação do Programa Ensino Médio Inovador em sua primeira fase. Os dados foram obtidos por meio de questionário junto a 2006 escolas utilizando-se da técnica de análise de conteúdo. O estudo evidenciou que as experiências mais próximas das intenções do Programa estiveram associadas a vivências participativas. Detectou que o principal entrave à formação integral foi a adoção de práticas inspiradas na abordagem de gestão gerencial focadas na padronização, na adaptação e no controle.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Clecí Körbes, Universidade Federal do Paraná

Doutora em Tecnologia pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná. Professora do Setor de Educação Profissional e Tecnológica da Universidade Federal do Paraná.

Monica Ribeiro da Silva, Universidade Federal do Paraná

Doutora em Educação pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Professora no Programa de Pós-graduação em Educação da Universidade Federal do Paraná. Coordenadora do Grupo de Pesquisa Observatório do Ensino Médio. Pesquisadora do CNPq.

Referências

BARDIN, L. Análise de conteúdo. Lisboa, Portugal: Edições 70, 1977.

BRASIL. Parecer CNE/CP n. 11/2009. Trata da proposta de experiência curricular inovadora para o Ensino Médio. Brasília/DF, MEC/CNE, 30 jun. 2009a.

______. Portaria ministerial n. 971 de 09 de outubro de 2009. Institui o Programa Ensino Médio Inovador. Brasília, DF, 09 de out. 2009b.

_____. Programa Ensino Médio Inovador. Documento Orientador. Setembro-2009c. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/dmdocuments/documento_orientador.pdf>. Acesso em: 30 mar. 2013.

______. Guia de Tecnologias Educacionais. Aviso de Chamamento Público MEC/SEB/SECAD/SEED/SEESP Nº. 1/2009. Pré-qualificação de Tecnologias que Promovam a Qualidade da Educação Básica. Diário Oficial da União, Brasília/DF, seção 3, p. 41-44, 21 maio 2009d.

______. Resolução n. 4, de 13 de julho de 2010. Define Diretrizes Curriculares Nacionais Gerais para a Educação Básica. Brasília, DF, MEC/CNE/CEB, 13 jul. 2010.

______. Parecer CNE/CEB n. 5 de 04 de maio de 2011. Estabelece as Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Médio. Brasília, DF, MEC/CNE/CEB, 04 maio 2011a.

_____. Programa Ensino Médio Inovador. Documento Orientador. 2011b. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/ dmdocuments/documento_orientador.pdf. Acesso em: 26 mar. 2012.

______. Edital n. 1, de 09 de dezembro de 2011. Pré-qualificação de tecnologias educacionais que colaborem para a ampliação da jornada escolar na perspectiva da educação integral e integrada e da articulação da escola com seu território. Diário Oficial da União, Brasília/DF, n. 237, seção 3, p. 32-38, 12 dez. 2011c.

______. Resolução CNE/SEB n. 02 de 30 de janeiro de 2012. Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Médio. Brasília, DF, MEC/CNE/SEB, 30 de jan. 2012.

______. Lei 13.005, de 25 de junho de 2014. Aprova o Plano Nacional de Educação - PNE e dá outras providências. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2011-2014/2014/Lei/L13005.htm. Acesso em: 07 maio 2015.

(Omitido).

CABRAL NETO, A.; CASTRO, A. M. D. A. Gestão escolar em instituições de ensino médio: entre a gestão democrática e a gerencial. Educação & Sociedade, Campinas, v. 32, n. 116, p. 745-770, jul./set. 2011.

DAYRELL, J.; CARRANO, P. Juventude e Ensino Médio: quem é este aluno que chega à escola. In: DAYRELL, J.; CARRANO, P.; MAIA, C. L. (Orgs.). Juventude e Ensino Médio: sujeitos e currículos em diálogo. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2014, p. 101-133.

FERRETI, C. J.; ZIBAS, D. M. L. TARTUCE, G. L. B. P. Protagonismo juvenil na literatura especializada e na reforma do Ensino Médio. Cadernos de Pesquisa, v. 34, n. 122, p. 411-423, maio/ago. 2004.

(Omitido).

KRAWCZYK, N. Uma roda de conversa sobre os desafios do Ensino Médio. In: DAYRELL, J.; CARRANO, P.; MAIA, C. L. (Orgs.). Juventude e Ensino Médio: sujeitos e currículos em diálogo. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2014, p. 75-98.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO (MEC). Como elaborar o Plano de Desenvolvimento da Escola; aumentando o desempenho da escola por meio do planejamento eficaz. 3 ed. Brasília: FUNDESCOLA/DIPRO/FNDE/MEC, 2006.

______. Guia de Tecnologias Educacionais 2009. Organização Cláudio Fernando André. Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica, 2009. 170 p.

______. Guia de Tecnologias Educacionais 2011/12. Organização COGETEC. Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica, 2011. 196 p.

NOGUEIRA, M. A. A relação família-escola na contemporaneidade: fenômeno social/interrogações sociológicas. Análise Social, v. XL, n. 176, 2005, p. 563-578.

PAULA, A. P. P. Administração pública brasileira entre o gerencialismo e a gestão social. Revista de Administração de Empresas, v. 45, n. 1, 2005.

______. Por uma Nova Gestão Pública: limites e possibilidades da experiência contemporânea. Rio de Janeiro: FGV, 2007. 204 p.

SAVIANI, D. O Plano de Desenvolvimento da Educação: uma análise do projeto do MEC. Educ. Soc., Campinas, v. 28, n. 100 – Especial, p. 1231-1255, out. 2007.

Downloads

Publicado

2021-04-30

Como Citar

Körbes, C., & da Silva, M. R. (2021). Nova Gestão Pública e Gestão Democrática da Escola: as experiências da primeira fase de implementação do Programa Ensino Médio Inovador. Revista Brasileira De Política E Administração Da Educação, 37(1), 466–485. https://doi.org/10.21573/vol37n12021.108056