Blank Verse: a história e as histórias de William Shakespeare traduzidas em websérie

Manoela Sarubbi Henares Figueiredo

Resumo


Blank Verse é uma web série que retrata William Shakespeare e outras figuras históricas do período elisabetano reimaginados como estudantes e professores universitários nos dias atuais. Através de vídeos curtos e postagens em redes sociais, acompanhamos os personagens em suas jornadas como escritores iniciantes num contexto altamente mediado pela tecnologia. A mescla criativa de elementos históricos, biográficos e ficcionais provocaram as reflexões apresentadas neste artigo. A partir do pensamento de teóricos da literatura como Josefina Ludmer e Flora Süssekind; História, como Pierre Nora e Hayden White; e Filosofia, tal qual Roland Barthes e Friedrich Nietzsche, este texto explora o desmantelamento das fronteiras entre verdade e ficção, real e virtual, todos eles produtos da mesma ferramenta: a linguagem.

Palavras-chave: William Shakespeare. Literatura. História. Biografia. Ficção.


Texto completo:

PDF

Referências


BARTHES, Roland. O Rumor da Língua. Tradução: Mario Laranjeira. São Paulo: WMF Martins Fontes, 2012.

BLANK Verse. Amanda Konkin. Canadá, 2013-2014. Disponível em < https://www.youtube.com/channel/UCUyyMRMl4ZX0u_0tfsgrGaQ> Acesso em 8 out 2017.

BRYSON, Bill. Shakespeare: o mundo é um palco: uma biografia. Tradução: José Rubens Siqueira. São Paulo: Companhia das Letras, 2008.

HALL, Stuart. A identidade cultural na pós-modernidade. 11ª ed. Rio de Janeiro: DP&A, 2006.

LUDMER, Josefina. Literatura pós-autônoma. Ciberletras - Revista de crítica literaria y de

NIETZSCHE, Friederich. Segunda Consideração Intempestiva: da utilidade e desvantagem da história para a vida. Trad. Marco Antônio Casanova. Rio de Janeiro: Relume Dumará, 2003.

NORA, Pierre. Between memory and history: les lieux des mémoire. Representations, No. 26, Special Issue: Memory and Conter-Memory. (Spring, 1989), p. 7-24. Disponível em < http://www.timeandspace.lviv.ua/files/session/Nora_105.pdf>. Acesso em 23 de abril de 2017.

O’REILLY, Tim. What is web 2.0? O’Reilly Media. 2009.

PLAZA, Julio. Tradução Intersemiótica. São Paulo, Perspectiva, 2003.]

RYAN, Marie-Laure. Narrative as Virtual Reality. Baltimore and London: The John Hopkins University Press, 2013.

SHAKESPEARE, William. Teatro Completo. Tradução Bárbara Heliodora. São Paulo: Nova Aguilar, 2016.

SUSSEKIND, Flora. Objetos verbais não identificados. O Globo. 2013. Disponível em < http://blogs.oglobo.globo.com/prosa/post/objetos-verbais-nao-identificados-um-ensaio-de-flora-sussekind-510390.html> Acesso em 8 out 2017.

WHITE, Hayden. Metahistory: The Historical Imagination in 19th-Century Europe. Baltiomore: Johns Hopkins University Press, 2014.

YERRO, Jorge Hernán. Traduzindo a História: A Guerra das Malvinas na Literatura e na Cinematografia Argentinas. 2012. 132 f. Tese (Doutorado em Letras e Linguística) – Instituto de Letras da UFBA – Universidade Federal da Bahia, Salvador.

ZANETTI, Daniela. Webséries: Narrativas Seriadas em Ambientes Virtuais. Revista Geminis. Dossiê – TV Pós Digital. São Carlos, Ano 4 – nº 1, p. 69-88. 2013.




DOI: https://doi.org/10.22456/2596-0911.92463

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

 

ISSN 2596-0911

 

Contato: revistaphilia@ufrgs.br

 

Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Avenida Paulo Gama, 110

Bairro Farroupilha, Porto Alegre, RS

CEP 90040-060

 

INDEXADORES | INDEXING