Sobreposições: Shakespeare, Bene e Deleuze em agenciamento | Overlays: Shakespeare, Bene and Deleuze in agency

Junior Cunha, José Dias

Resumo


Resumo

Versa-se sobre o agenciamento de criadores de pensamento realizado por Deleuze como elemento fundamental de sua filosofia. Coloca-se em foco o processo de minoração da tragédia Ricardo III, de Shakespeare, realizado por Bene via a composição de uma nova peça. Intenta-se evidenciar o caminho percorrido por Bene à luz da perspectiva deleuziana. Para tanto, apresenta-se a importância de se agenciar pensamentos entre a filosofia e outras áreas do conhecimento; realiza-se uma breve análise do núcleo dramático da tragédia shakespeariana; e estuda-se o Ricardo III de Bene e o ensaio de Deleuze, Um manifesto de menos. Como resultado, salienta-se que o processo de agenciamento se trata de um potente método de criação de conceitos.

Palavras-chave: Impersonagens. Linhas de variação. Devir minoritário.

 

Abstract

It deals with the agency of thought creators carried out by Deleuze as a fundamental element of his philosophy. The process of lessening Shakespeare's tragedy Ricardo III, carried out by Bene through the composition of a new play, is brought into focus. The aim is to highlight the path taken by Bene in the light of the Deleuzian perspective. To this end, the importance of agencing thoughts between philosophy and other fields of knowledge is presented; a brief analysis of the dramatic core of the Shakespearean tragedy is carried out; and we study Ricardo III, by Bene, and the essay by Deleuze, Um manifesto de menos. As a result, it is emphasized that the agency process is a powerful method of creating concepts.

Keywords: Impersonagens. Variation lines. Becoming a minority.


Texto completo:

PDF

Referências


BENE, Carmelo. Ricardo III o la horrible noche de un guerrero. In: BENE, Carmelo; DELEUZE, Gilles. Superposiciones. Trad. Jacques Algasi. Buenos Ares: Ediciones Artes del Sur, 2003. p. 21-74.

BLOOM, Harold. Shakespeare: a invenção do humano. Trad. José Roberto O’Shea. Rio de Janeiro: Objetiva, 2001.

CANGI, Adrián. Fulgores de la deformacion. In: BENE, Carmelo; DELEUZE, Gilles. Superposiciones. Trad. Jacques Algasi. Buenos Ares: Ediciones Artes del Sur, 2003. p. 7-20.

DELEUZE, Gilles. Um manifesto de menos. Trad. Fátima Saadi. In: DELEUZE, Gilles. Sobre o teatro: Um manifesto de menos; O esgotado. Trad. Fátima Saadi, Ovídio de Abreu, Roberto Machado. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 2010. p. 25-64.

DELEUZE, Gilles. Conversações, 1972-1990. Trad. Peter Pál Pelbart. São Paulo: Editora 34, 1992.

DELEUZE, Gilles; GUATTARI, Félix. O que é a filosofia? Trad. Bento Prado Jr. e Alberto Alonso Muñoz. Rio de Janeiro: Editora 34, 1992.

DELEUZE, Gilles; GUATTARI, Félix. Mil Platôs: Capitalismo e Esquizofrenia. Vol. 5. Trad. Peter Pál Pelbart e Janice Caiafa. Rio de Janeiro: Editora 34, 1997.

HEUSER, Ester Maria Dreher. Procedimentos de minoração: do teatro de Carmelo Bene à filosofia de Deleuze. In: ZIMMERMMAN, Rainer; SCHÜTZ, Rosalvo (Org.). Crítica e utopia: perspectivas brasileiras e alemãs. Porto Alegre: Sulina, 2012. p. 171-191.

HELLER, Agnes. O que é Natureza? O que é Natural? Shakespeare como filósofo da História. Trad. Helvio Gomes Morais Junior. Morus: utopia e renascimento, Campinas, v. 2, Dossiê: utopia como gênero literário, p. 19-38, 2005.

HELIODORA, Bárbara. Falando de Shakespeare. São Paulo: Perspectiva, 1997.

HELIODORA, Barbara. Reflexões Shakespearianas. Rio de Janeiro: Lacerda Ed., 2004.

HELIODORA, Barbara. O homem político em Shakespeare. Rio de Janeiro: Agir, 2005.

LAGO, Inês. Deleuze, Bene e o projecto de um teatro menor. Sinais de cena, Lisboa, n. 16, 2011. p. 77-80. Disponível em: revistas.rcaap.pt/sdc/issue/view/772. Acesso em: 30/03/2020.

MACHADO, Roberto. Introdução. In: DELEUZE, Gilles. Sobre o teatro: Um manifesto de menos; O esgotado. Trad. Fátima Saadi, Ovídio de Abreu, Roberto Machado. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 2010. p. 7-23.

OLIVEIRA, Luís Fabiano de. Um Teatro sem Espetáculo em Carmelo Bene. 2017. 80 f. Dissertação (Mestrado em Artes Cênicas). Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Instituto de Artes, Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas, Porto Alegre, 2017. Disponível em: lume.ufrgs.br/handle/10183/165324. Acesso em: 30/03/2020.

SHAKESPEARE, William. Henrique VI – parte 3. In: SHAKESPEARE, William. William Shakespeare: teatro completo. Vol. 3: Peças Históricas. Trad. Bárbara Heliodora. São Paulo: Nova Aguilar, 2016. p. 711-831.

SHAKESPEARE, William. Ricardo III. In: SHAKESPEARE, William. William Shakespeare: teatro completo. Vol. 3: Peças Históricas. Trad. Bárbara Heliodora. São Paulo: Nova Aguilar, 2016. p. 1055-1207.




DOI: https://doi.org/10.22456/2596-0911.110704

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

 

ISSN 2596-0911

 

Contato: revistaphilia@ufrgs.br

 

Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Avenida Paulo Gama, 110

Bairro Farroupilha, Porto Alegre, RS

CEP 90040-060

 

INDEXADORES | INDEXING