A midiatização e suas lógicas: análise de casos à luz dos regimes de interação e sentido

Conrado Moreira Mendes, Maria Ângela Mattos, André Vianna Maricato, Marcelle Primo, Mariana Vitti, Ranier Alves

Resumo


O objetivo do artigo é analisar as possíveis articulações entre os regimes de interação e sentido e as perspectivas da midiatização e suas lógicas, a primeira centrada na lógica do funcionamento da mídia e a segunda inscrita nos processos sociais em sua imbricação com processos de midiatização, denominada de lógicas da midiatização. A partir de estudos de casos empíricos à luz dos quatro regimes de interação formulados pelo sociossemioticista Eric Landowski (2014) – programação, manipulação, ajustamento e acidente – buscamos ampliar o quadro interpretativo acerca dos processos de interação midiatizada por meio da interface entre aquelas perspectivas da midiatização e da sociossemiótica no contexto da sociedade midiatizada contemporânea.

 

Palavras-chave


Lógicas da mídia; Lógicas da midiatização; Regimes de interação e sentido; Sociossemiótica

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.19132/1807-8583202152.94707



 

Intexto | E-ISSN 1807-8583 | Facebook | Google Scholar 

Classificação Qualis: B1 - Comunicação, Informação, História, Letras/Linguística  | B2 - Psicologia | B3 - Ciência Política e Relações Internacionais, Arquitetura, Urbanismo e Design, Ciências Ambientais, Interdisciplinar | B4 - Sociologia. 

Programa de Pós-graduação em Comunicação | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705 sala 519 - Porto Alegre, RS, Brasil | E-mail: Intexto @ufrgs.br

 

 Membro Associação Brasileira de Editores Científicos 

 Signatária DORA (San Francisco Declaration on Research Assessment)