Estudos de comunicação: da enunciação à mediatização

Giovandro Marcus Ferreira

Resumo


O artigo tem como objetivo ressaltar contribuições da semiótica aos estudos da comunicação, levando em consideração mudanças no cenário mediático, com o advento da internet, sobretudo na sua fase de redes sociais. A partir de leituras de teóricos da comunicação, o itinerário traçado evidencia a importância de se aprofundar no universo conceitual, de três domínios necessários para se entender melhor a semiose produzida nos e pelos meios de comunicação: enunciação, circulação e mediatização. O ponto de partida desse trabalho são os estudos dos efeitos, a fim de se repensar outros itinerários de pesquisa, em razão das implicações mediáticas no contexto contemporâneo.


Palavras-chave


Estudos de comunicação. Enunciação. Circulação. Mediatização.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.19132/1807-8583201637.101-117



 

Intexto | E-ISSN 1807-8583 | Facebook | Google Scholar 

Classificação Qualis: B1 - Comunicação, Informação, História, Letras/Linguística  | B2 - Psicologia | B3 - Ciência Política e Relações Internacionais, Arquitetura, Urbanismo e Design, Ciências Ambientais, Interdisciplinar | B4 - Sociologia. 

Programa de Pós-graduação em Comunicação | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705 sala 519 - Porto Alegre, RS, Brasil | E-mail: Intexto @ufrgs.br

 

 Membro Associação Brasileira de Editores Científicos 

 Signatária DORA (San Francisco Declaration on Research Assessment)