Comunicação privada na internet: da invenção do particular na Idade Média à hiperexposição na rede

Alex Primo, Ludmila Lupinacci, Vanessa Valiati, Laura Barros

Resumo


Este artigo discute a questão do privado em conversações online. É apresentada uma breve arqueologia da vida privada e uma discussão sobre a interação interpessoal e grupal em serviços de comunicação digital. A partir da reflexão sobre o borramento das esferas pública e privada na contemporaneidade, são apresentados os protocolos de uso de serviços de sociabilidade online que visam orientar comportamentos e evitar problemas quanto à circulação de mensagens privadas. Finalmente, debate-se a quebra desses protocolos de uso, quando há o vazamento de conteúdos íntimos, que passam a ser (intencionalmente ou não) circulados publicamente.

Palavras-chave


Privado. Privacidade. Público. Intimidade. Relacionamentos online. Amizade.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.19132/1807-8583201534.513-534



 

Intexto | E-ISSN 1807-8583 | Facebook | Google Scholar 

Classificação Qualis: B1 - Comunicação, Informação, História, Letras/Linguística  | B2 - Psicologia | B3 - Ciência Política e Relações Internacionais, Arquitetura, Urbanismo e Design, Ciências Ambientais, Interdisciplinar | B4 - Sociologia. 

Programa de Pós-graduação em Comunicação | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705 sala 519 - Porto Alegre, RS, Brasil | E-mail: Intexto @ufrgs.br

 

 Membro Associação Brasileira de Editores Científicos 

 Signatária DORA (San Francisco Declaration on Research Assessment)