Meios digitais participativos e economia criativa: uma exploração das plataformas brasileiras de crowdfunding

César Steffen

Resumo


Com a Internet surge o crowdfunding, sistema de financiamento coletivo que permite que pessoas de toda a rede efetuem contribuições para viabilizar um projeto. O Brasil já conta com mais de 59 plataformas com variados objetivos e formas de atuação. Neste artigo serão analisados o crowdfunding e as plataformas brasileiras, seus formatos e regras, de forma a observar suas características e especificidades. Duas plataformas com maior quantidade de projetos foram selecionadas para um aprofundamento da descrição e análise.


Palavras-chave


Crowdfunding. Meios digitais participativos. Economia Criativa. Projetos.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.19132/1807-8583201532.156-171



 

Intexto | E-ISSN 1807-8583 | Facebook | Google Scholar 

Classificação Qualis: B1 - Comunicação, Informação, História, Letras/Linguística  | B2 - Psicologia | B3 - Ciência Política e Relações Internacionais, Arquitetura, Urbanismo e Design, Ciências Ambientais, Interdisciplinar | B4 - Sociologia. 

Programa de Pós-graduação em Comunicação | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705 sala 519 - Porto Alegre, RS, Brasil | E-mail: Intexto @ufrgs.br

 

 Membro Associação Brasileira de Editores Científicos 

 Signatária DORA (San Francisco Declaration on Research Assessment)