Hecho en México: a questão da identidade nacional na fotografia mexicana

Ana Carolina Lima Santos

Resumo


Este artigo analisa a construção da identidade nacional mexicana levada a cabo no campo da fotografia. A partir da pesquisa em arquivos fotográficos do país e da revisão bibliográfica, busca-se demonstrar que a mexicanidade evocada em muitas das imagens produzidas no país esteve marcada por um exotismo que surgiu da insistência em buscar no ‘outro’ a conformação de um caráter nacional. O México rural e indígena e o México miserável, ambos retratados desde uma perspectiva deslocada de fotógrafos que não pertenciam a esses mundos, serão tomados de exemplo para entender a produção simbólica empreendida nessa área.

Palavras-chave


Fotografia mexicana. Produção simbólica. Identidade nacional. Exotismo.

Texto completo:

PDF




 

Intexto | E-ISSN 1807-8583 | Facebook | Google Scholar 

Classificação Qualis: B1 - Comunicação, Informação, História, Letras/Linguística  | B2 - Psicologia | B3 - Ciência Política e Relações Internacionais, Arquitetura, Urbanismo e Design, Ciências Ambientais, Interdisciplinar | B4 - Sociologia. 

Programa de Pós-graduação em Comunicação | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705 sala 519 - Porto Alegre, RS, Brasil | E-mail: Intexto @ufrgs.br

 

 Membro Associação Brasileira de Editores Científicos 

 Signatária DORA (San Francisco Declaration on Research Assessment)