Mídias comunitárias e democracia

Danilo Rothberg

Resumo


Este texto articula indicações em três esferas para a pesquisaação realizada com o objetivo de qualificar lideranças para a emissão de mensagens em mídias comunitárias compatíveis com as exigências democráticas atuais. Assim, são contextualizadas e informadas teoricamente três direções específicas, sugeridas ao pesquisador da área: a) é preciso verificar as relações que os indivíduos mantêm, como receptores, com os meios de comunicação e os conceitos de notícia estabelecidos, em um contexto de negociação de sentido influenciado pela lógica econômica da produção industrial de cultura, informação e entretenimento; b) as características dos emissores-receptores podem ser compreendidas como habitus — traços da personalidade formados diante de circunstâncias sociais objetivas; c) o estímulo ao engajamento político através da comunicação comunitária deve considerar uma das especificidades mais relevantes da democracia brasileira hoje, dada pelo crescimento dos mecanismos institucionalizados de participação política constituídos pelos conselhos municipais.

Palavras-chave


Pesquisa-ação. Comunicação comunitária. Democracia.

Texto completo:

PDF




 

Intexto | E-ISSN 1807-8583 | Facebook | Google Scholar 

Classificação Qualis: B1 - Comunicação, Informação, História, Letras/Linguística  | B2 - Psicologia | B3 - Ciência Política e Relações Internacionais, Arquitetura, Urbanismo e Design, Ciências Ambientais, Interdisciplinar | B4 - Sociologia. 

Programa de Pós-graduação em Comunicação | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705 sala 519 - Porto Alegre, RS, Brasil | E-mail: Intexto @ufrgs.br

 

 Membro Associação Brasileira de Editores Científicos 

 Signatária DORA (San Francisco Declaration on Research Assessment)