As estratégias de significação plástica da imagem em Justiça Gaúcha

Cristiano Tarouco, Maria Lília Dias de Castro

Resumo


Face um reducionismo conceitual que tem prejudicado o desenvolvimento das ciências da imagem, é conveniente o reconhecimento de metodologias de estudo que apresentem especificidades plásticas como operadores de análise da comunicação visual. Assim, por meio de revisão bibliográfica e aplicação da Teoria da Imagem, buscamos verificar a significação plástica presente nas estratégias de imagem empregadas em um âmbito televisivo. A análise icônica da vinheta de abertura do Justiça Gaúcha, um telejornal produzido pelo poder judiciário estadual, possibilitou a identificação de uma enunciação estratégica em que a narrativa televisual privilegia a simplicidade na composição visual e o enfoque referencial ao real.


Palavras-chave


Teoria da imagem. Comunicação Visual. Análise icônica.

Texto completo:

PDF




 

Intexto | E-ISSN 1807-8583 | Facebook | Google Scholar 

Classificação Qualis: B1 - Comunicação, Informação, História, Letras/Linguística  | B2 - Psicologia | B3 - Ciência Política e Relações Internacionais, Arquitetura, Urbanismo e Design, Ciências Ambientais, Interdisciplinar | B4 - Sociologia. 

Programa de Pós-graduação em Comunicação | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705 sala 519 - Porto Alegre, RS, Brasil | E-mail: Intexto @ufrgs.br

 

 Membro Associação Brasileira de Editores Científicos 

 Signatária DORA (San Francisco Declaration on Research Assessment)