Gramática hipertextual: apontamentos sobre regularidades linguísticas no jornalismo digital brasileiro

Francilaine Munhoz Moraes, Thais Mendonça Jorge

Resumo


No meio digital, a construção da notícia se dá pelo hipertexto. Uma linguagem própria ao suporte consolida-se nas duas últimas décadas. Este artigo se dedica a discutir regularidades linguísticas do discurso jornalístico na web. Se há uma linguagem peculiar ao meio, existe também uma gramática correspondente: a gramática hipertextual. O estudo revela que os usos da língua em ambiente digital permitem a criação de parâmetros eficazes à prática jornalística web.

Palavras-chave


Gramática. Hipertexto. Jornalismo Digital.

Texto completo:

PDF




 

Intexto | E-ISSN 1807-8583 | Facebook | Google Scholar 

Classificação Qualis: B1 - Comunicação, Informação, História, Letras/Linguística  | B2 - Psicologia | B3 - Ciência Política e Relações Internacionais, Arquitetura, Urbanismo e Design, Ciências Ambientais, Interdisciplinar | B4 - Sociologia. 

Programa de Pós-graduação em Comunicação | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705 sala 519 - Porto Alegre, RS, Brasil | E-mail: Intexto @ufrgs.br

 

 Membro Associação Brasileira de Editores Científicos 

 Signatária DORA (San Francisco Declaration on Research Assessment)