No ar, a comunidade: um estudo de recepção a partir das rádios comunitárias de Santa Maria

Carlos Sanchotene, Rosana Zucolo, Juliano Pires

Resumo


A presente pesquisa busca compreender o processo de recepção dos conteúdos transmitidos pelas rádios comunitárias Caraí FM e Comnorte e a sua representatividade junto aos ouvintes das regiões sul e norte de Santa Maria – RS. Com base nos estudos sobre comunicação, recepção e rádios comunitárias, se pesquisou as rádios em questão. Utilizou-se a metodologia dos grupos focais para a discussão e análise da recepção das programações, suas formas de produção e como se estabelece a relação entre os moradores das comunidades e as emissoras. Entre os resultados verificou-se uma participação limitada por parte dos ouvintes.

Palavras-chave


Rádios comunitárias. Comunicação comunitária. Recepção.

Texto completo:

PDF




 

Intexto | E-ISSN 1807-8583 | Facebook | Google Scholar 

Classificação Qualis: B1 - Comunicação, Informação, História, Letras/Linguística  | B2 - Psicologia | B3 - Ciência Política e Relações Internacionais, Arquitetura, Urbanismo e Design, Ciências Ambientais, Interdisciplinar | B4 - Sociologia. 

Programa de Pós-graduação em Comunicação | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705 sala 519 - Porto Alegre, RS, Brasil | E-mail: Intexto @ufrgs.br

 

 Membro Associação Brasileira de Editores Científicos 

 Signatária DORA (San Francisco Declaration on Research Assessment)