A série e o Sonho Americano. Nostalgia e sobrevivência de um imaginário suburbano.

Autores

  • Ariel Gómez Ponce CONICET, Universidad Nacional de Córdoba

DOI:

https://doi.org/10.19132/1807-8583202152.100603

Palavras-chave:

TV series, American sonho, Suburban Imaginary, Fredric Jameson, Nostalgia

Resumo

Na memória americana, a vida nos subúrbios continua sendo um contexto de prosperidade, fundamental para aquele imaginário conhecido como sonho americano. Não obstante, é um cenário idílico que as séries televisivas vêm questionando desde o próprio florescimento desse modo de viver. Este artigo propõe um estudo de ficções de meados do século passado que foram aplicadas a uma leitura disfuncional do sonho americano: ou seja, narrativas que conseguiram ilustrar os lados opostos da homogeneização e da padronização, revelando a ordem do cotidiano como um simulacro precário. No entanto, são motivos ideológicos que as produções mais contemporâneas parecem reler como uma "nostalgia": categoria que a teoria de Fredric Jameson desenvolve para desafiar formas artísticas onde as ideias do passado são elaboradas alegoricamente, como imagens. resíduos sobre os quais o presente impõe outra linha de significação. A proposta argumentará que as chaves para essa nostalgia devem ser rastreadas até o processo de suburbanização do pós-guerra, um enclave que não pode ser pensado fora de um capitalismo tardio incipiente cuja reprodução serial planejou tanto um projeto urbano quanto a conformação de subjetividades. Em diálogo com as contribuições de Jameson, o artigo pretende mostrar como, desde o início, a televisão de massa funcionou não apenas como um modo de produção estética, mas também como uma instituição social com força crítica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ariel Gómez Ponce, CONICET, Universidad Nacional de Córdoba

Ariel Gómez Ponce es Doctor en Semiótica y Profesor en Español como Lengua Materna y Lengua Extranjera por la Universidad Nacional de Córdoba (Argentina), y posee un Posdoctorado en Ciencias Sociales, por el Centro de Estudios Avanzados, Facultad de Ciencias Sociales, Universidad Nacional de Córdoba. Actualmente, es Coordinador Académico de la Maestría en Relaciones Intrnacionales, Profesor Asistente en las asignaturas Sociología Sistemática y Procesos Políticos Internacionales (Lic. En Ciencias Políticas, Facultad de Ciencias Sociales, UNC) y es Becario Posdoctoral CONICET. En reuniones científicas, como también en artículos y en cursos de grado y posgrado, se aboca al análisis de series televisivas desde la perspectiva de la semiótica de la cultura (Lotman, Bakhtin) y los estudios culturales (Jameson), problematizando el modo en que estas, en el contexto del capitalismo tardío, ponen en cuestión las identidades y los modos culturales del sentir.

Publicado

2021-05-19

Como Citar

Gómez Ponce, A. “ Nostalgia E Sobrevivência De Um imaginário Suburbano”. Intexto, nº 52, maio de 2021, p. 100603, doi:10.19132/1807-8583202152.100603.

Edição

Seção

Artigos