Fundamentos do ‘Paradigma Metodológico Causal’ nas Ciências Sociais, Impropriamente denominado ‘Métodos Quantitativos’

Autores

  • Juan Mario Fandiño Marino

Palavras-chave:

Métodos quantitativos em ciências sociais. Paradigma metodológico causal. Métodos quali-quanti.

Resumo

O presente ensaio trata da lógica subjacente dos chamados ‘métodos quantitativos’ nas ciências sociais. A especificação desta lógica subjacente se enquadra na tentativa de estabelecer a existência de uma lógica unitária abrangente para as duas abordagens mais gerais da metodologia nas ciências sociais, a saber, a qualitativa e a quantitativa. Esta lógica unitária é procurada a partir da noção de ‘paradigmas científicos’ de T. Kuhn (1975), sendo que as questões metodológicas representam, por ‘hipótese de trabalho’, um caso especial de paradigma científico, diferenciando-se dos outros paradigmas na ausência de generalizações simbólicas, anomalias, e ‘revoluções’, e pelo papel substantivo dos modelos procedimentais, principalmente de fornecimento de evidências. Com este objetivo, o trabalho realiza uma revisão esquemática dos paradigmas Kuhnianos, e depois analisa a tradição metodológica chamada quantitativa nas ciências sociais – especialmente na sociologia – , à luz de tais paradigmas, cunhando a expressão ‘paradigma metodológico causal’ (PMC). Através, pois, do enquadramento paradigmático das duas abordagens (sendo que a dos métodos qualitativos ainda é deixada para o futuro desta linha de pesquisa), será possível verificar se a interface entre as duas abordagens responde a uma lógica ‘metodológica’ unitária subjacente; em caso afirmativo se reduziriam – ou até se eliminariam – as respostas conflitantes sobre questões de escolha e combinações entre os dois tipos de práticas, subsidiando a formalização de estratégias do tipo ‘quali-quanti’. Note-se, finalmente, que a lógica subjacente ao PMC envolve a combinação da noção de causa, lato sensu, com o modelo experimental e seus desdobramentos, sem que isto pressuponha que o papel instrumental dos métodos qualitativos no próprio PMC passe pela noção de causa, ou pela experimentação, ou por comparações do tipo que for.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Como Citar

FANDIÑO MARINO, J. M. Fundamentos do ‘Paradigma Metodológico Causal’ nas Ciências Sociais, Impropriamente denominado ‘Métodos Quantitativos’. Sociologias, [S. l.], v. 14, n. 31, 2012. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/sociologias/article/view/34907. Acesso em: 8 fev. 2023.