Contribuições e desafios da Computação Desplugada: Um Mapeamento Sistemático

Autores

  • Emanuela Vitória Dias Morais Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Sertão Pernambucano Campus Petrolina
  • Mayara Benício de B. Souza, Universidade de Pernambuco

DOI:

https://doi.org/10.22456/1679-1916.95852

Palavras-chave:

computação desplugada, mapeamento sistemático, pensamento computacional. Contributions and

Resumo

No presente artigo são apresentados os resultados de um mapeamento
sistemático que contou com a análise de artigos sobre as contribuições e os desafios da computação desplugada, em dez repositórios nacionais e internacionais. Os resultados obtidos com a análise deste estudo destacam que grande parte das atividades desplugadas mapeadas tinham o objetivo de promover habilidades do pensamento computacional e, por isso, foi a contribuição mais citada nos artigos consultados. Por outro lado, o maior desafio encontrado foi com relação a eficácia das atividades desplugadas, desde a aplicação de forma inadequada ou isolada, e distante de experiências com as tecnologias digitais, ou a necessidade de trabalhar a computação desplugada junto com métodos online. Com a realização desta pesquisa pode-se concluir que a maior parte dos estudos primários mapeados eram voltados para alunos do ensino fundamental e, na sua maioria, abordavam habilidades do pensamento computacional e representação da informação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2019-07-28

Como Citar

VITÓRIA DIAS MORAIS, E.; BENÍCIO DE B. SOUZA, M. Contribuições e desafios da Computação Desplugada: Um Mapeamento Sistemático. RENOTE, Porto Alegre, v. 17, n. 1, p. 446–455, 2019. DOI: 10.22456/1679-1916.95852. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/renote/article/view/95852. Acesso em: 8 fev. 2023.

Edição

Seção

Teorias educacionais aplicadas à TIC