Teoria dos Campos Conceituais na análise de programação em Scratch

Autores

  • Kátia Coelho da Rocha PPGEMat/UFRGS
  • Marcus Vinicius de Azevedo Basso PPGEMat/UFRGS

DOI:

https://doi.org/10.22456/1679-1916.79235

Palavras-chave:

Teoria dos campos conceituais, scratch, aprendizagem de matemática, esquema

Resumo

A compreensão da construção do conceito de ângulo via atividades de
programação em Scratch foi a base de uma pesquisa de mestrado que originou este artigo. Nessa pesquisa, de caráter qualitativo realizada com dezesseis estudantes do sexto ano do ensino fundamental de uma escola pública localizada na grande Porto Alegre, a Teoria dos Campos Conceituais de Gerard Vergnaud foi utilizada na concepção e análise de atividades de programação em Scratch. Concebida como uma teoria que tem como foco o processo de aprendizagem e, particularmente, a aprendizagem de matemática no contexto escolar, como resultado e contribuição deste estudo, destaca-se o papel da Teoria dos Campos Conceituais na interpretação dos esquemas utilizados pelos estudantes em atividade de programação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2017-12-27

Como Citar

COELHO DA ROCHA, K.; VINICIUS DE AZEVEDO BASSO, M. Teoria dos Campos Conceituais na análise de programação em Scratch. RENOTE, Porto Alegre, v. 15, n. 2, 2017. DOI: 10.22456/1679-1916.79235. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/renote/article/view/79235. Acesso em: 27 jan. 2023.

Edição

Seção

TIC e seus efeitos na configuração das ecologias cognitivas