Uso do Scratch no Brasil com objetivos educacionais: uma revisão sistemática

Autores

  • Adelmo Antonio da Silva Eloy Universidade de São Paulo
  • Roseli de Deus Lopes Universidade de São Paulo
  • Isabela Martins Angelo Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.22456/1679-1916.75164

Palavras-chave:

Scratch, Educação, Programação.

Resumo

O Scratch é uma linguagem de programação visual utilizada no mundo inteiro para introdução à programação, com mais de 18 milhões de usuários cadastrados. Nesse contexto, este artigo apresenta uma revisão sistemática da literatura em torno do uso do Scratch no Brasil com fins educacionais, identificando e analisando os artigos sobre o tema publicados em língua portuguesa em revistas e eventos, entre 2012 e 2016. Por meio da revisão, foi possível caracterizar o público e contexto de uso do Scratch, que em sua maioria são estudantes do ensino fundamental - apesar de parcela considerável ser do ensino superior - em ambientes escolares, com o fim de promover a introdução à programação ou ao pensamento computacional. Não se observou uniformidade quanto à descrição de estratégias de avaliação e de impactos aferidos, mas em geral apontam como principais objetivos melhor desempenho acadêmico e maior engajamento escolar.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2017-07-28

Como Citar

ANTONIO DA SILVA ELOY, A.; DE DEUS LOPES, R.; MARTINS ANGELO, I. Uso do Scratch no Brasil com objetivos educacionais: uma revisão sistemática. RENOTE, Porto Alegre, v. 15, n. 1, 2017. DOI: 10.22456/1679-1916.75164. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/renote/article/view/75164. Acesso em: 27 jan. 2023.

Edição

Seção

Aprendizagem Colaborativa Apoiada por Computador