Um modelo conceitual para a gamificação de Ambientes Virtuais de Aprendizagem

Autores

  • Ana Carolina Tomé Klock Departamento de Ciência da Computação – PPGCA e PPGECMT Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) – Joinville – SC
  • Lucas Felipe da Cunha Departamento de Ciência da Computação – PPGCA e PPGECMT Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) – Joinville – SC
  • Isabela Gasparini Departamento de Ciência da Computação – PPGCA e PPGECMT Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) – Joinville – SC

DOI:

https://doi.org/10.22456/1679-1916.57654

Palavras-chave:

gamificação, modelo conceitual, educação, AVA, adaptabilidade.

Resumo

Esse artigo apresenta um modelo conceitual para auxiliar na implementação da gamificação em ambientes virtuais de aprendizagem, observando os dados envolvidos, as tarefas disponíveis, os alunos que utilizam e os objetivos da gamificação. São levantadas diferentes características dos alunos que podem influenciar no sucesso da gamificação e frameworks existentes que auxiliam a fundamentar o modelo proposto. Por fim, o modelo proposto é aplicado a um ambiente virtual de aprendizagem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2015-07-28

Como Citar

CAROLINA TOMÉ KLOCK, A.; FELIPE DA CUNHA, L.; GASPARINI, I. Um modelo conceitual para a gamificação de Ambientes Virtuais de Aprendizagem. RENOTE, Porto Alegre, v. 13, n. 1, 2015. DOI: 10.22456/1679-1916.57654. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/renote/article/view/57654. Acesso em: 31 jan. 2023.

Edição

Seção

Jogos educacionais