Estilos de Aprendizagem: vale a pena investir?

Autores

  • Alberto Bastos do Canto Filho PPGIE – UFRGS
  • Thaísa Jacintho Müller PPGIE – UFRGS
  • José Valdeni de Lima PPGIE – UFRGS

DOI:

https://doi.org/10.22456/1679-1916.57601

Palavras-chave:

estilos de aprendizagem, evasão, engenharia

Resumo

A contribuição deste artigo é uma análise quantitativa comparando estilos de aprendizagem de estudantes de engenharia, na qual constatou-se que não há diferenças entre o estilo dos estudantes que persistem na disciplina de Cálculo Diferencial e Integral I e o estilo dos que desistem. Para a realização da pesquisa, foram analisados, em momentos distintos do semestre letivo, os perfis dos estudantes que estavam cursando a disciplina. Os estudantes que evadiram não participaram da segunda avaliação, o que permitiu a comparação do seu perfil inicial com o perfil dos que persistiram.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2015-07-28

Como Citar

BASTOS DO CANTO FILHO, A.; JACINTHO MÜLLER, T.; VALDENI DE LIMA, J. Estilos de Aprendizagem: vale a pena investir?. RENOTE, Porto Alegre, v. 13, n. 1, 2015. DOI: 10.22456/1679-1916.57601. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/renote/article/view/57601. Acesso em: 8 fev. 2023.

Edição

Seção

Teorias de Aprendizagem