AVALIAÇÃO DE QUALIDADE DE UM AMBIENTE DE APOIO AO ENSINO DE PROGRAMAÇÃO

Autores

  • Draylson Micael de Souza ICMC-USP
  • Marisa Helena da Silva Batista ICMC-USP
  • Ellen Francine Barbosa ICMC-USP

DOI:

https://doi.org/10.22456/1679-1916.53523

Palavras-chave:

avaliação de qualidade, avaliação automática de trabalhos de programação, ensino programação, teste de software

Resumo

Várias  iniciativas  têm  sido  propostas  a  fim  de  automatizar  o  processo  de avaliação  de  trabalhos  práticos  de  programação.  O  ambiente  PROGTEST  insere-se neste contexto como uma ferramenta de apoio à avaliação de trabalhos práticos de programação e teste de software. Experiências têm mostrado que o uso da PROGTEST traz  benefícios  para  o  ensino  e  aprendizado.  No  entanto,  foi  possível  observar  que melhorias  técnicas  na qualidade do  ambiente proveriam um maior incentivo  ao  seu uso e adoção. Assim, este trabalho teve por objetivo realizar uma avaliação de qualidade da PROGTEST. Os resultados mostraram que, embora alguns aspectos ainda necessitam de melhorias,  o  ambiente  PROGTEST  possui uma  boa  qualidade.  Sugestões  de  melhoria para a evolução da PROGTEST também puderam ser identificadas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2014-12-28

Como Citar

MICAEL DE SOUZA, D.; HELENA DA SILVA BATISTA, M.; FRANCINE BARBOSA, E. AVALIAÇÃO DE QUALIDADE DE UM AMBIENTE DE APOIO AO ENSINO DE PROGRAMAÇÃO. RENOTE, Porto Alegre, v. 12, n. 2, 2014. DOI: 10.22456/1679-1916.53523. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/renote/article/view/53523. Acesso em: 24 jun. 2022.

Edição

Seção

Tecnologia na educação