INTERACIONISMO NO CURSO DE PEDAGOGIA A DISTANCIA DA UFRGS: PRÁTICA OU RETÓRICA?

Autores

  • Amanda Ritter Stoffel UFRGS
  • Michele Doris Castro UFRGS
  • Monique Presser Cigolini UFRGS
  • Sérgio Roberto Kieling Franco UFRGS

DOI:

https://doi.org/10.22456/1679-1916.16979

Palavras-chave:

Pedagogia, interacionismo, educação a distância, aprendizagem.

Resumo

O presente artigo busca identificar e classificar a presença das teorias de aprendizagem existentes em entrevistas realizadas com tutores do curso de Pedagogia a Distância da UFRGS (PEAD-UFRGS) quando questionados sobre suas percepções e práticas no exercício de tutoria. Adotou-se, como metodologia, o uso de questionários semi-estruturados. Posteriormente, foi realizada análise das respostas por categorização. Foi possível observar a correspondência entre a proposta teórica do curso, fortemente inspirada em bases interacionistas, e a execução de sua prática. A pesquisa possibilitou relacionar a importância da elaboração de um projeto que seja, realmente, posto em prática, visando o sucesso no processo de ensino-aprendizagem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2010-07-30

Como Citar

STOFFEL, A. R.; CASTRO, M. D.; CIGOLINI, M. P.; FRANCO, S. R. K. INTERACIONISMO NO CURSO DE PEDAGOGIA A DISTANCIA DA UFRGS: PRÁTICA OU RETÓRICA?. RENOTE, Porto Alegre, v. 8, n. 2, 2010. DOI: 10.22456/1679-1916.16979. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/renote/article/view/16979. Acesso em: 5 fev. 2023.