ESTUDO DOS BLOGS A PARTIR DA NETNOGRAFIA: POSSIBILIDADES E LIMITAÇÕES

Autores

  • Sandra Portella Montardo FEEVALE
  • Liliana Maria Passerino FEEVALE

DOI:

https://doi.org/10.22456/1679-1916.14173

Palavras-chave:

blogs, netnografia, metodologia de pesquisa

Resumo

Analisando os estudos referentes ao estado da Blogosfera desenvolvidos por Sifry (2006) verifica-se rapidamente que o número de blogs dobra a cada seis meses e meio. Isso, aliado com o crescimento de serviços disponíveis na Internet e o número de internautas, chama a atenção para a Internet como um inegável espaço de socialização. Desde seu surgimento, a Internet tem chamado a atenção de pesquisadores de diversos
países, porém nos estudos e pesquisas realizados pouco se aborda o viés metodológico empregado para tais investigações. O presente artigo visa analisar a pertinência de uma metodologia de pesquisa qualitativa como a netnografia para o estudo de espaços de socialização mediados por computador como os Blogs. A partir de uma análise das
articulações e dos distanciamentos entre a etnografia e a netnografia estabelecem-se possibilidades e limitações para o estudo dos blogs. Acredita-se que este artigo possa contribuir com pesquisas cujos objetos de estudo sejam blogs ou outros
espaços/ferramentas de socialização na web.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2006-12-22

Como Citar

MONTARDO, S. P.; PASSERINO, L. M. ESTUDO DOS BLOGS A PARTIR DA NETNOGRAFIA: POSSIBILIDADES E LIMITAÇÕES. RENOTE, Porto Alegre, v. 4, n. 2, 2006. DOI: 10.22456/1679-1916.14173. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/renote/article/view/14173. Acesso em: 3 dez. 2022.