PODER DAS SIMULAÇÕES NO ENSINO DE HIDRÁULICA

Autores

  • Oscar Eduardo Patrón Guillermo UFRGS
  • Liane Margarida Rockenbach Tarouco UFRGS
  • Luiz Augusto Magalhães Endres UFRGS

DOI:

https://doi.org/10.22456/1679-1916.13856

Palavras-chave:

simulações, ensino em hidráulica, simulações na engenharia

Resumo

Este trabalho tem como objetivo mostrar a necessidade de desenvolver novas
ferramentas tecnológicas, para o ensino de hidráulica para engenheiros, mais
precisamente a utilização de simuladores virtuais, das práticas em laboratórios de
hidráulica; destacar as vantagens das simulações como complemento à aula tradicional
expositiva, assim como o ganho no processo de ensino e aprendizagem dos alunos,
expostos a este tipo de material instrucional. Para isto foram elaborados 3 simuladores
utilizando o software Flash MX da Macromedia, representando 3 práticas laboratoriais
de hidráulica. Duas turmas do curso de Engenharia da UFRGS, utilizaram estes
simuladores. Pode-se afirmar que os simuladores podem ser ótimas ferramentas no
auxílio à aula convencional e que na área da Engenharia devería-se investir tempo e
recursos para implementar materiais instrucionais deste tipo, para obter uma melhor
qualidade no ensino, assim como para obter uma melhor compreensão de alguns
fenômenos físicos ocorridos nestas práticas, principalmente em instituições que não
disponham de laboratórios de hidráulica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2005-06-16

Como Citar

GUILLERMO, O. E. P.; TAROUCO, L. M. R.; ENDRES, L. A. M. PODER DAS SIMULAÇÕES NO ENSINO DE HIDRÁULICA. RENOTE, Porto Alegre, v. 3, n. 1, 2005. DOI: 10.22456/1679-1916.13856. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/renote/article/view/13856. Acesso em: 4 jul. 2022.