DESENVOLVIMENTO DO PENSAMENTO CRÍTICO NA ESCRITA COLABORATIVA

Autores

  • Nelkis de la Orden Medina
  • Paulo José de Freitas Filho

DOI:

https://doi.org/10.22456/1679-1916.13789

Resumo

Para corresponder ao desafio de compreender e explicar como o processo de
construção do conhecimento acontece, este estudo buscou analisar e
comparar o processo de construção do conhecimento em dois cenários: escrita
colaborativa tradicional e escrita colaborativa apoiada por computador (editor
colaborativo Equitext). Com esse intuito foi feita uma revisão bibliográfica sobre
o tema, que mostrou a existência de uma relação direta entre o pensamento
crítico e a colaboração com o aprendizado profundo. Partiu-se de duas
premissas. A primeira foi de que os sistemas de aprendizagem colaborativa
apoiados por computador e, especificamente, os editores colaborativos
deveriam favorecer o pensamento crítico e, consequentemente, o aprendizado
profundo. A segunda, que os editores colaborativos deveriam oferecer
melhores condições para o processo de construção colaborativa de um texto
em relação ao processo de escrita tradicional. Foram então projetados num
segundo momento os experimentos que permitissem a coleta de dados nos
dois cenários diferentes. Conseguiu-se demonstrar quais resultados, em
termos de desenvolvimento de pensamento crítico, podem ser obtidos em
ambientes de aprendizagem colaborativa, especificamente em cenários de
escrita colaborativa.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2004-11-14

Como Citar

MEDINA, N. de la O.; FILHO, P. J. de F. DESENVOLVIMENTO DO PENSAMENTO CRÍTICO NA ESCRITA COLABORATIVA. RENOTE, Porto Alegre, v. 2, n. 2, 2004. DOI: 10.22456/1679-1916.13789. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/renote/article/view/13789. Acesso em: 5 fev. 2023.

Edição

Seção

Relatos de Pesquisa