Impressão 3D como Recurso para o Desenvolvimento de Material Didático: Associando a Cultura Maker à Resolução de Problemas

Autores

  • Jarles Tarsso Gomes Santos Programa de Pós-graduação em Inovação em Tecnologias Educacionais - Universidade Federal do Rio Grande do Norte
  • Adja Ferreira de Andrade Programa de Pós-graduação em Inovação em Tecnologias Educacionais - Universidade Federal do Rio Grande do Norte

DOI:

https://doi.org/10.22456/1679-1916.106014

Palavras-chave:

impressão 3D, metodologias ativas, prototipagem, cultura maker, inovação.

Resumo

Este estudo busca apresentar uma proposta de aplicação para a impressora 3D no contexto educacional, em uma escola pública da Paraíba, associando-a à resolução de problemas. Na ocasião, os estudantes usaram conhecimentos adquiridos em sala para atuar sobre o problema que permeia várias instituições de ensino: a falta de material didático para uso em atividades práticas. A partir disso, usaram a metodologia ativa Design Thinking para auxiliar no processo, construindo ideias e protótipos para uso como material didático. Os resultados apontam que a impressora 3D pode facilitar o ensino de conteúdos que compõem o currículo escolar, seja estimulando os estudantes na construção de modelos ou fazendo uso de modelos prontos como material didático.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2020-07-31

Como Citar

TARSSO GOMES SANTOS, J.; FERREIRA DE ANDRADE, A. Impressão 3D como Recurso para o Desenvolvimento de Material Didático: Associando a Cultura Maker à Resolução de Problemas. RENOTE, Porto Alegre, v. 18, n. 1, 2020. DOI: 10.22456/1679-1916.106014. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/renote/article/view/106014. Acesso em: 29 set. 2022.

Edição

Seção

Teorias educacionais aplicadas à TIC