Meta-estudo crítico das pesquisas de arranjos produtivos locais

Autores

Palavras-chave:

Arranjo Produtivo Local, Produção Acadêmica, Ensaio Teórico.

Resumo

Este ensaio apresenta e discute as pesquisas que focaram os Arranjos Produtivos Locais brasileiros nas duas décadas precedentes. O objetivo é caracterizá-las; levantar criticamente os seus achados associando-os às lentes teóricas empregadas; e apontar lacunas que possam constituir em uma agenda para os próximos anos. A resultante é uma meta-síntese que partiu de uma amostra de 325 artigos empíricos e os submeteu às análises sociométricas, bibliométricas e de conteúdo. Encontrou-se um maior aporte em Institucionalismo, Evolucionismo Econômico e Economia Industrial; com poucos casos de triangulação teórica. Foi possível mapear as variáveis, atributos, fatores, construtos e resultados, bem como as suas interações, intervenientes na dinâmica do objeto. Mas persiste a falta de integração do conhecimento gerado pelas pesquisas, capaz de oferecer um modelo mais completo ao entendimento.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Joseane Viola Coelho Debortoli, Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais

Mestranda em Administração no CEFET-MG. Graduada em Tecnologia em Gestão Ambiental (2006) e Ciências Biológicas (2012). Pós-graduada em Gestão e Manejo Ambiental em Sistemas Florestais (2009) e em Educação Ambiental (2012). Atualmente é Analista de Relacionamento com Comunidades Sênior na Empresa Aliança Geração de Energia. Possui experiência na área de desenvolvimento social, cooperativismo e associativismo, programas de geração de renda com incubação e aceleração de negócios sociais tendo atuado nos estados de MG, ES e PA. Foi tutora do Curso Superior de Tecnologia em Gestão Ambiental da UNOPAR e Regente de Classe do Curso Técnico em Meio Ambiente, ministrando as disciplinas de Resíduos Sólidos Urbanos e Impacto Ambiental. Possui experiência no setor público gerenciando a Secretaria Municipal de Meio Ambiente do município de Baixo Guandu/ES (2010-2012).

Crystyane Ferreira Bernardino, Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais

Mestranda em Administração e membro do Comitê de Ética em Pesquisa pelo Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais. Graduada em Administração pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (2016). Tem experiência na área de Administração, como gestora de sua própria empresa. ORCID: https://orcid.org/0000-0002-3396-1460 Web of Science: https://publons.com/a/2905068

Uajará Pessoa Araújo, Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais

Possui graduação em Engenharia Metalúrgica pela Universidade Federal de Ouro Preto e em Ciências Econômicas pela Universidade Federal de São João del-Rei. É Especialista em Gestão Executiva pela Universidade de São Paulo onde também concluiu os créditos para o mestrado em engenharia metalúrgica. É Mestre Profissional em Administração pela Universidade Federal da Bahia. É Doutor em Engenharia de Produção pela Universidade de São Paulo. É Doutor em Administração pela Universidade Federal de Lavras, onde também concluiu seu primeiro pós-doutorado, em administração. Tem experiência acumulada em 20 anos de gestão empresarial, em setores da siderurgia, não-ferrosos, mineração e produtos químicos. Atualmente é professor associado da carreira de magistério superior do Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais onde leciona na graduação em engenharias, letras e administração e no mestrado em administração; conduzindo pesquisas com foco no processo de tomada de decisões especialmente nos campos científico e tecnológico; redes; capital social; e aprendizado em rede.

Daniel Paulino Teixeira Lopes, Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais

Daniel é bacharel, mestre e doutor em Administração pela UFMG. É professor da área de Administração na graduação e na pós-graduação stricto sensu no CEFET/MG. Também atua como Coordenador Geral de Transferência de Tecnologia e Gerente da Nascente Incubadora de Empresas. Coordena o Núcleo de Inovação, Competitividade e Empreendedorismo (NICE), grupo de pesquisa certificado pelo CNPq. Trabalhou em organizações como Governo de Minas, IBM Brasil, Telemar/Oi, Banco do Brasil e Câmara Americana de Comércio. Vivenciou experiências profissionais e acadêmicas na Inglaterra, Argentina, Costa Rica, Portugal e China. Foi Empreendedor Público do Escritório de Prioridades Estratégicas do Governo de MG, atuando como gerente de projeto e avaliador de políticas públicas. Foi Chefe do Departamento de RH do Hospital Governador Israel Pinheiro. Foi consultor do Sebrae/MG para as soluções de Estratégias Empresariais. Foi Professor Substituto de Administração na FACE/UFMG, Professor Convidado de Gestão Estratégica em Telecomunicações no DCC/UFMG e Professor Convidado da Pós Graduação em Gestão Estratégica de Pessoas no Senac/MG. Foi assistente editorial da Revista Gestão e Sociedade entre 2015 e 2017. Suas áreas de interesse são estratégia, inovação (tecnológica, gerencial e social), empreendedorismo e gestão de recursos humanos.

Downloads

Publicado

2020-12-11

Como Citar

Debortoli, J. V. C., Bernardino, C. F., Araújo, U. P., & Lopes, D. P. T. (2020). Meta-estudo crítico das pesquisas de arranjos produtivos locais. Revista Eletrônica De Administração, 26(3), 709–738. Recuperado de https://www.seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/98171

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)