CONTEMPORARY ECONOMIC DETERMINANTS FOR THE CHOICE OF THE LEADERS OF THE BRAZILIAN PUBLIC ADMINISTRATION

Autores

Resumo

The Brazilian national elections of 2018 constitute a milestone as the first election in the history of the Brazilian public administration in which there was restriction of donations of legal entities. This paper aims to analyze the influence of economic power on electoral choice, for which a prediction model based on financial and political-ideological variables is proposed, identifying if the odds ratio is increased for candidates with greater economic-financial disposition. We proposed a logistic regression model and estimated the probability of success in the electoral campaign and its relationship with the variables. We collected the data from the open base of the Brazilian Electoral Justice, totaling a universe of 46,867 valid applications in 2018 and 2014. The results show a new logistic regression model, in which it was verified that the candidate's condition to seek his re-election is the factor of greater relationship with the ratio of chances of electoral success, increasing by 6 times the chances of a candidate succeeding in the election. Economic-financial variables of interest confirmed the influence that economic power has on the election process in the same way as the dominant ideology in central government, leaving the results of financing by legal entities conflicting.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jonatas Dutra Sallaberry, Universidade Federal de Santa Catarina

Doutorando em Contabilidade pela Universidade Federal de Santa Catarina. Mestre em Ciências Contábeis pelo Programa Multiinstitucional e Inter-regional de Pós-Graduação em Ciências Contábeis UnB/UFPB/UFRN. Especialista em Auditoria Governamental. Bacharel em Ciências Contábeis pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Perito Contábil do Ministério Público Federal, além de professor de graduação e pós-graduação. Autor e revisor de artigos de periódicos e eventos. Avaliador do BASIS e Elaborador do BNI (INEP-MEC).

Leonardo Flach, Federal University of Santa Catarina (UFSC)

Pós-doutor em Contabilidade e Finanças pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT/EUA). Atuou como professor visitante e pesquisador convidado no Massachusetts Institute of Technology (MIT/EUA) e na Ludwig Maximilians Universität München (LMU-Munique-Alemanha). Professor da graduação e pós-graduação em Contabilidade na UFSC. Doutor em Administração (UFRGS), com doutorado sanduíche na Freie Universität Berlin (Alemanha). Durante a graduação, estudou por dois semestres como aluno ouvinte no curso de Wirtschaftswissenschaft na Universidade de Dortmund (Alemanha). Realizou estágio na empresa HL-Planartechnik GmbH em Dortmund (Alemanha). Recebeu o prêmio Edmon Nader de melhor monografia no término do curso de graduação. Entre as publicações, encontram-se artigos em congressos renomados e em periódicos qualificados como A1, A2 e B1. Em 2012, recebeu o 1º. Lugar no Prêmio Nacional Jabuti 2012 (Câmara Brasileira do Livro) na Área de Administração, Economia e Negócios, com capítulo de livro baseado em sua tese de doutorado. Proficiente em inglês (TOEFL), em alemão (DSH), espanhol, e possui conhecimentos básicos de francês. É membro da Comissão Permanente de Cultura da UFSC, revisor da Journal of International Business and Economy, Revista de Administração Pública, Revista Base de Administração e Contabilidade. Ao todo, já obteve 22 premiações, 2 publicações Qualis A1, 7 publicações em revistas Qualis A2, e 8 publicações Qualis B1.

Downloads

Publicado

2019-08-29

Como Citar

Sallaberry, J. D., & Flach, L. (2019). CONTEMPORARY ECONOMIC DETERMINANTS FOR THE CHOICE OF THE LEADERS OF THE BRAZILIAN PUBLIC ADMINISTRATION. Revista Eletrônica De Administração, 25(2), 119–149. Recuperado de https://www.seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/89611

Edição

Seção

Especial: contribuições da administração para superar a crise na pandemia