COORDENAÇÃO DOS SISTEMAS PRODUTIVOS DO AGRONEGÓCIO: ALTERNATIVAS AOS PEQUENOS E MÉDIOS PRODUTORES

Autores

  • Egidio Luiz Furlanetto Universidade Federal de Campina Grande - Campina Grande, PB

Palavras-chave:

Agronegócio, Competitividade, Coordenação, Cadeias de Suprimento, Custos de Transação,

Resumo

Partindo do pressuposto básico de que nem mercado, nem  hierarquia são estruturas suficientes, embora importantes e fundamentais para a coordenação dos sistemas produtivos, especialmente no caso das empresas do agronegócio, onde a integração entre os diferentes elos é fator de competitividade, o presente trabalho  analisa diferentes estratégias desenvolvidas pelos agentes do agronegócio, dando maior destaque a organização de pequenos e médios produtores. Como referencial teórico, utiliza-se das abordagens da Dependência de Recursos  e da Economia dos Custos de Transação, com as cadeias sendo consideradas como grandes empresas. Os trabalhos empíricos foram desenvolvidos por meio de três estudos de caso os quais analisaram diferentes formas de organização e coordenação dos sistemas produtivos envolvendo pequenas e médias propriedades rurais. Os resultados ressaltam a importância destas estruturas alternativas e apontam para a necessidade de que as mesmas sejam fundamentadas em ações cooperativas dos diferentes agentes das cadeias nos quais estão inseridos. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2013-09-16

Como Citar

Luiz Furlanetto, E. (2013). COORDENAÇÃO DOS SISTEMAS PRODUTIVOS DO AGRONEGÓCIO: ALTERNATIVAS AOS PEQUENOS E MÉDIOS PRODUTORES. Revista Eletrônica De Administração, 9(5). Recuperado de https://www.seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/42646