ATITUDE EMPREENDEDORA EM PROPRIETÁRIOS-GERENTES DE PEQUENAS EMPRESAS. CONSTRUÇÃO DE UM INSTRUMENTO DE MEDIDA

Autores

  • Gumersindo Sueiro Lopes Jr Universidade de Brasília
  • Eda Castro Lucas de Souza Universidade de Brasília

Palavras-chave:

empreendedorismo, atitude empreendedora, pequenas empresas, prospecção e inovação, gestão e persistência

Resumo

Esse trabalho teve como objetivo a construção e validação de um instrumento de medida da atitude empreendedora, bem como a mensuração dessa atitude em proprietários-gerentes de pequenas empresas de varejo. Atitude empreendedora foi definida, com base na teoria do comportamento planejado, como a predisposição aprendida a atuar, ou não, de forma empreendedora. Empreendedorismo foi analisado a partir de quatro fatores: planejamento, realização, poder e inovação. O questionário foi construído de forma estruturada, com 36 itens afirmativos, utilizando a escala Likert. A amostra do estudo foi composta de 290 proprietários-gerentes de pequenas empresas varejistas, vinculados ao Projeto Empreender, no DF. Foram realizadas várias análises, sendo que, a partir da análise fatorial, dois fatores, relativas à atitude empreendedora, foram considerados como positivos para o desenvolvimento dos empreendimentos dos atores estudados: Prospecção e Inovação, e Gestão e Persistência. A análise dos resultados demonstrou a presença da atitude empreendedora nos grupos estudados. O instrumento obteve índices estatisticamente confiáveis em relação a sua construção, validação e confiabilidade, sendo denominado de Instrumento de Mensuração da Atitude Empreendedora (IMAE).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2013-06-21

Como Citar

Sueiro Lopes Jr, G., & Castro Lucas de Souza, E. (2013). ATITUDE EMPREENDEDORA EM PROPRIETÁRIOS-GERENTES DE PEQUENAS EMPRESAS. CONSTRUÇÃO DE UM INSTRUMENTO DE MEDIDA. Revista Eletrônica De Administração, 11(6). Recuperado de https://www.seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/40616