ETNOGRAFIA EM MARKETING: UMA DISCUSSÃO INICIAL

Autores

  • Ana Akemi Ikeda USP
  • Beatriz de Castro Sebastião Pereira USP
  • Camila Gil USP

Palavras-chave:

pesquisa, marketing, etnografia, consumidor

Resumo

Estudos sobre o comportamento humano envolvem situações complexas que não são simples de compreender por escalas usadas em pesquisas quantitativas. Assim, em anos mais recentes, verifica-se um uso crescente de métodos qualitativos para auxiliar a entender o indivíduo e o grupo. Em administração e marketing pesquisadores com trabalhos qualitativos estão se baseando em métodos e técnicas comuns em sociologia, antropologia e psicologia que têm mais tradição nesse tipo de estudo. A etnografia originada da antropologia e sociologia com estudos de comportamento grupo parece ser um instrumento bastante adequado para estudos em marketing. Assim, o objetivo deste estudo é discutir a etnografia como metodologia de pesquisa em marketing, destacando seus usos e limitações. Faz isso em forma de ensaio por meio de levantamento bibliográfico de caráter analítico e descritivo. Inicia-se com a exposição do surgimento e evolução da etnologia e da etnografia no campo da antropologia. Segue-se com os principais métodos de coleta e análise de dados da etnografia; e principais usos em marketing, bem como suas limitações. Conclui-se que sua aplicação em marketing é adequada se houver rigor metodológico, já que esse tipo de pesquisa tem a vantagem de revelar porque os comportamentos relacionados a um dado grupo ocorrem, o que não é possível com outras abordagens positivistas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2013-06-19

Como Citar

Ikeda, A. A., de Castro Sebastião Pereira, B., & Gil, C. (2013). ETNOGRAFIA EM MARKETING: UMA DISCUSSÃO INICIAL. Revista Eletrônica De Administração, 12(4). Recuperado de https://www.seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/40013