AVALIAÇÃO DE PROJETOS DE E-LEARNING ATRAVÉS DA METODOLOGIA DE OPÇÕES REAIS

Autores

  • Angilberto Sabino de Freitas FUCAPE Business School – ES / Brasil
  • Luiz Eduardo Brandão Pontifícia Universidade Católica – RJ / Brasil

Palavras-chave:

educação a distância, e-learning, opções reais, análise de investimentos, flexibilidade gerencial

Resumo

O rápido avanço das novas tecnologias de informação e comunicação nos modelos recentes de educação a distância (EaD) e as incertezas em relação à demanda do mercado de educação superior fazem com que a mensuração do valor de um projeto de e-learning torne-se uma tarefa cada vez mais complexa. Isso faz com que a incerteza e flexibilidade sejam características centrais de projetos envolvendo EaD, mas os modelos tradicionais de avaliação de investimentos, como a metodologia do fluxo de caixa descontado (FCD), são de utilidade limitada nesses casos, uma vez que não conseguem capturar o valor da flexibilidade gerencial. Neste artigo, usando como base um caso real de um MBA a distância implementado em uma universidade, mostramos como a metodologia de opções reais pode ser utilizada para a avaliação de projetos de EaD e como as informações geradas da simulação de um investimento podem gerar um modelo para o suporte à decisão gerencial com o objetivo de auxiliar os gestores na definição de uma estratégia corporativa ótima quando existe a flexibilidade de se adiar a sua implantação. Concluímos que esta metodologia permite quantificar as flexibilidades estratégicas desta classe de projetos e melhorar a qualidade das decisões corporativas, reduzindo o risco para o investidor em ambientes de incerteza.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2013-04-18

Como Citar

Sabino de Freitas, A., & Brandão, L. E. (2013). AVALIAÇÃO DE PROJETOS DE E-LEARNING ATRAVÉS DA METODOLOGIA DE OPÇÕES REAIS. Revista Eletrônica De Administração, 15(3), 679–701. Recuperado de https://www.seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/39025

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)