GESTÃO SOCIAL E AMBIENTAL EM PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS: INFLUÊNCIA E PODER DOS STAKEHOLDERS

Autores

  • José Edson Moysés Filho Universidade Nove de Julho - SP / Brasil
  • Andrea Leite Rodrigues Universidade de São Paulo - SP / Brasil
  • Sérgio Luiz do Amaral Moretti Universidade Nove de Julho - SP / Brasil

Palavras-chave:

Responsabilidade Social, Gestão Social e Ambiental em Pequenas e Médias Empresas, Programa Tear, Stakeholders.

Resumo

O objetivo deste trabalho foi analisar como grandes empresas influenciam seus fornecedores, nesse caso Pequenas e Médias Empresas PME , em prol da adoção de práticas de gestão sociais e ambientais responsáveis. Utilizou-se para esse propósito a perspectiva da Responsabilidade Social Empresarial RSE que, embora careça de uma unidade teórica consistente, revelou-se mais adequada ao caso. A relevância do estudo se justifica pelo número restrito de trabalhos sobre a RSE em PME e a influência que os stakeholders - conceito usado neste caso no sentido de grupos de interesse - exercem sobre essa relação. O estudo foi realizado dentro do âmbito do Programa Tear - Tecendo Redes Sustentáveis -, que teve como objetivo mobilizar, por meio de grandes empresas ou âncoras, a adoção de práticas de gestão sociais e ambientais responsáveis por seus fornecedores. Utilizou-se a metodologia do estudo múltiplo de casos com o propósito de analisar tais impactos por meio de três empresas-âncoras e seis PME. Pelos resultados auferidos, pode-se verificar que a influência dos stakeholders acentua a importância e acelera a adoção das práticas de RSE, contudo carece de força para garantir incremento no desempenho, competitividade e oportunidades de mercado. Tal descoberta contraria o objetivo inicial do Programa Tear, conforme foi pregado às PME por seus organizadores.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2011-04-01

Como Citar

Moysés Filho, J. E., Leite Rodrigues, A., & do Amaral Moretti, S. L. (2011). GESTÃO SOCIAL E AMBIENTAL EM PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS: INFLUÊNCIA E PODER DOS STAKEHOLDERS. Revista Eletrônica De Administração, 17(1), 204–236. Recuperado de https://www.seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/38714

Edição

Seção

Estudos de Caso