Organização do serviço de telecuidado farmacêutico como estratégia de combate à Covid-19 no Rio Grande do Sul

Autores

Palavras-chave:

Telessaúde, Cuidado Farmacêutico, COVID-19, Asma, Telecuidado, Estratégia emergente.

Resumo

O Telecuidado Farmacêutico consiste na prestação de serviços farmacêuticos clínicos de forma remota, através da utilização de tecnologias de informação e telecomunicações, tendo o potencial de melhorar resultados em saúde e reduzir os problemas relacionados ao uso de medicamentos. As vantagens adicionais da telefarmácia incluem o custo-benefício, possibilitando o acesso ao serviço de acompanhamento farmacêutico e a possibilidade de atingir pessoas em localidades remotas e em condições de saúde que limitam a mobilidade. Considerando esse novo paradigma de oferta de serviços farmacêuticos, bem como o atual quadro pandêmico causado pelo novo coronavírus 2019 (COVID-19), em 5 de maio de 2020 foi lançado pela Secretaria de Estado da Saúde do Rio Grande do Sul, um programa de implantação do Cuidado Farmacêutico, CUIDAR +, e o primeiro serviço: Telecuidado Farmacêutico. O objetivo deste estudo é apresentar como o serviço de Telecuidado Farmacêutico foi estruturado e ofertado no combate à COVID-19 como uma estratégia emergente. O serviço foi desenvolvido a partir da avaliação das necessidades em saúde dos usuários da Farmácia de Medicamentos Especiais de Porto Alegre e definido por meio de modelagem de serviços. Foi organizado para acompanhar os pacientes com doenças respiratórias crônicas, orientando em relação ao uso correto dos medicamentos, otimizando a adesão ao tratamento e orientando em relação às dúvidas relacionadas à COVID-19.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Agnes Nogueira Gossenheimer, Secretaria de Estado da Saúde do Rio Grande do Sul

Farmacêutica.

Mestre em Ciências Farmacêuticas.

Doutora em Ciências Farmacêuticas.

Pós-doutorado em Ciênciências Médicas Endocrinologia

Coordenadora da Divisão do Fomento à Implementação do Cuidado Farmacêutico - 

Secretaria de Estado da Saúde do Rio Grande do Sul

 

Ana Paula Rigo, Secretaria de Estado da Saúde do Rio Grande do Sul

Especialista de Saúde – Coordenação da Política de Assistência Farmacêutica.

Roberto Eduardo Schneiders, Secretaria de Estado da Saúde do Rio Grande do Sul

Coordenador da Política de Assistência Farmacêutica

Downloads

Publicado

2020-12-11

Como Citar

Gossenheimer, A. N., Rigo, A. P., & Schneiders, R. E. (2020). Organização do serviço de telecuidado farmacêutico como estratégia de combate à Covid-19 no Rio Grande do Sul. Revista Eletrônica De Administração, 26(3), 524–534. Recuperado de https://www.seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/109474

Edição

Seção

Especial: contribuições da administração para superar a crise na pandemia