Presença ou a Qualidade Discreta do Estar Ali

Autores

  • Maíra Castilhos Coelho (Universidade Federal do Rio Grande do Sul – Porto Alegre, Brasil) PPGAC / UFRGS

Palavras-chave:

Ator, Presença, Teatro, Ausência, Efeito de Presença

Resumo

Este texto parte de algumas noções de presença do ator, objetivando versar sobre essa qualidade do estar e o efeito de presença. Discute-se o estatuto da presença no teatro, entre atores e espectadores, no presente e ao vivo, e questiona-se o fato de que nem sempre há na cena um ator com presença. Este texto trata a presença como qualidade do ator, não como algo constante ou alguma coisa que aprendemos e reproduzimos. Passeia-se, assim, por noções como corpo extracotidiano, corpo dilatado, ação interior, estar no presente, entre outras.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maíra Castilhos Coelho (Universidade Federal do Rio Grande do Sul – Porto Alegre, Brasil), PPGAC / UFRGS

Atriz, mestra em Artes Cênicas pelo programa de pós-graduação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Bacharel em Artes Cênicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2003), com formação em cinema pelo Studio Fátima Toledo (2004).

Publicado

2013-04-11

Como Citar

Coelho (Universidade Federal do Rio Grande do Sul – Porto Alegre, Brasil), M. C. (2013). Presença ou a Qualidade Discreta do Estar Ali. Revista Brasileira De Estudos Da Presença, 3(2), 594–604. Recuperado de https://www.seer.ufrgs.br/index.php/presenca/article/view/30163

Edição

Seção

Outros Temas