O púlpito como cena:

performance e teatralidade em Damares Alves

Autores

  • Juliana Coelho de Souza Ladeira

Palavras-chave:

damares alves, igrejas evangelicas, mulheres, politica, performance, teatralidade

Resumo

Um número considerável de setores evangélicos constitui o que se convencionou denominar a “nova direita brasileira” ou a “direita radical”. Por vinte anos, Damares Alves, Ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos no atual governo Jair Bolsonaro, ocupa um lugar privilegiado no Congresso Nacional no controle de políticas públicas. Três palestras de Alves serão examinadas neste artigo dedicado à análise de suas estratégias performativas e teatrais, ou seja, suas formas de autoexpressão, seus meios e reivindicações, bem como os valores e símbolos a elas associados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2022-06-28

Como Citar

Coelho de Souza Ladeira, J. . (2022). O púlpito como cena: : performance e teatralidade em Damares Alves. Revista Brasileira De Estudos Da Presença, 12(2), 1–25. Recuperado de https://www.seer.ufrgs.br/index.php/presenca/article/view/123970

Edição

Seção

Temas Contemporâneos III

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)