PERFORMANCE ARTE E INTIMIDADES PÚBLICAS - CHAMADA DE ARTIGOS

2022-05-09

Esta chamada convida investigadores (as) e artistas a submeterem trabalhos relacionados ao tema PERFORMANCE ARTE E INTIMIDADES PÚBLICAS. Interessam artigos que investiguem a relação entre a Performance e a performatividade artística com questões de sexualidade, género e ativismos relacionados, na qual a ideia de “performance” é central como ferramenta criativa, crítica e disruptiva.

 

A palavra ‘performance’ é cada vez mais abrangente, mesmo dentro do campo artístico. Na sua base, no entanto, sobrevivem ainda as ideias de corpo e de presença. A performatividade artística vem criar, mesmo que momentaneamente, um encontro em que artista e obra se desvelam numa relação íntima de partilha artística com quem se predispõe a ela. Nesse encontro, o corpo é uma ficção, uma construção entre um enraizamento e um desenraizamento, entre corporalidade e incorporalidade, superfície e profundidade. O corpo performativo não é passivo, é antes um corpo-sujeito sensual e crente, composto por afecções e pequenas percepções. Tal corpo edifica um espaço, toma posse dessa presença, desse lugar no qual se insere, criando um espaço que permite que as coisas sejam. Daqui o poder prospectivo da performance, cujos desejos do que há-de-vir ou do que pode ser se materializam na pura acontecimentalidade das coisas.

 

Esta chamada de trabalhos pretende reunir abordagens alternativas e desafiantes sobre questões que se relacionam com o desejo, a heteronormatividade, a representação dos corpos e do sexo, ou as tecnologias, por exemplo, a partir do campo fértil da Performance, tanto nas suas práticas contemporâneas como por intermédio da sua história.

 

A Revista Brasileira de Estudos da Presença abre espaço para abordagens temáticas que explorem o tema proposto em diferentes perspectivas. Nesse sentido, autores e autoras poderão apresentar artigos e ensaios de reflexão teórica, conceitual, histórica ou experimental, tendo por base um ou mais tópicos que se seguem:

 

- Performance arte, erotismos, sexualidades

- Performance e intimidade: do corpo singular ao corpo coletivo

- Performance, corpos e sexualidades futuras

- Ficção, imaginários e fantasias em Performance

- Performance, sexo e vídeo

- O público e o privado na performance

- Performance, intimidade e cinema

- Intimidade, estéticas, tecnologias e performance

- Sexo, corpo virtual e ciberformance

- Pornografia: performatividade dos corpos e Performance Arte

- Performatividade transgênero, queer e ativismo performativo

- Coreografias e sexualidades

- Performance, afetos e visibilidade do íntimo

- Espaços de intimidade: arquitetura, corpo, performance

- Performance, história e intimidade

- Performance, gênero e intimidade

- Performance, relações etnico-raciais e intimidade

- A intimidade e a cena contemporânea

- Performance, movimentos sociais e intimidade

- Performance, literatura e intimidade

 

Assim, a Revista Brasileira de Estudos da Presença espera receber trabalhos resultantes de pesquisas que abordem o tema, a partir da especificidade das artes da cena ou dessa em relação a outras disciplinas, estabelecendo-se diálogos entre e com os pontos indicados como ponto de partida para as discussões.

 

As submissões devem estar de acordo com os padrões do periódico e devem ser postadas diretamente no sistema de submissão para seguir seu processo geral de avaliação.

Para submeter um artigo a esta chamada é fundamental selecionar a seção correspondente (Performance Arte e Intimidades Públicas). Lembramos que o periódico não cobra taxas de submissão, nem de publicação e utiliza o sistema duplo-cego de revisão por pares. O texto pode ser enviado em português, espanhol, inglês ou francês e será publicado em duas línguas. Será solicitado aos autores e autoras que enviarem textos em português ou espanhol (e àqueles[as] lusófonos) que enviem uma tradução em inglês como condição para a publicação dos artigos, uma vez aprovados. A tradução deverá ser realizada por tradutor indicado pela revista e às custas do (a) autor (a). A revista providencia tradução para o português de artigos enviados em inglês ou francês, desde que os autores e autoras sejam nativos desses idiomas e caso haja recursos financeiros disponíveis no período da edição. Maiores informações podem ser encontradas em nosso website, www.seer.ufrgs.br/presenca; nossas diretrizes podem ser visualizadas em “Diretrizes para Autores”.