[1]
A. L. F. Cerbino, “Enigmas da cidade eletrônica”, IT, nº 12, p. 36–47, dez. 2008.