Do encontro à duração: amor na trilogia Antes do amanhecer, Antes do pôr do sol e Antes da meia-noite

Autores

  • Carolina Oliveira do Amaral UFF

DOI:

https://doi.org/10.19132/1807-8583202050.146-160

Palavras-chave:

Amor. Encontro. Duração. Linklater. Badiou.

Resumo

Este texto pareia as ideias de Alain Badiou (2013) sobre o amor – o encontro, a fixação do acaso e a duração – à análise da trilogia do diretor norte-americano Richard Linklater Antes do amanhecer (de 1995), Antes do pôr do sol (de 2004) e Antes da meia-noite (de 2013). Elementos como o uso recorrente de plano e contraplano, o plano-sequência e o duplo foco narrativo são estratégias narrativas para desenvolver uma história de amor que vá do encontro à duração.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carolina Oliveira do Amaral, UFF

Doutora e Mestre pelo PPGCOM-UFF em Comunicação Social - Linha de Pesquisa: Estudos de Cinema e Audiovisual. Professora de Roteiro Audiovisual, Criação de textos, Gêneros narrativos e Produção Audiovisual. Em 2017, integrou a equipe de pesquisa "Cine, Cultura y Sociedad" do departamento de Estudos Ingleses da Universidad de Zaragoza. Desde 2007, trabalha no audiovisual em setores como Produção, Criação e Direção.

Downloads

Publicado

2020-08-31

Como Citar

Amaral, C. O. do. “Do Encontro à duração: Amor Na Trilogia Antes Do Amanhecer, Antes Do pôr Do Sol E Antes Da Meia-Noite”. Intexto, nº 50, agosto de 2020, p. 146-60, doi:10.19132/1807-8583202050.146-160.

Edição

Seção

Artigos