Identidades estereotipadas: análise da representação dos moradores de Joinville no quadro JA nos Bairros

Autores

  • Maiara Carvalho Batista Universidade Federal do Paraná
  • Carla Candida Rizzotto Universidade Federal do Paraná

DOI:

https://doi.org/10.19132/1807-8583201738.60-79

Palavras-chave:

Identidade. Representação. Telejornalismo local.

Resumo

O objetivo desse artigo é compreender a maneira como o telejornalismo local representa a identidade do seu público. O corpus da pesquisa é formado por oito edições do quadro JA nos Bairros, exibido no ano de 2015, no programa Jornal do Almoço, transmitido pela RBSTV Joinville. A base teórica está ancorada nas contribuições de Stuart Hall e Bhabha acerca dos conceitos de identidade, globalização e cultura. A análise empírica utiliza como base metodológica os modos de endereçamento, guiados pelos operadores de análise: mediador, contexto comunicativo, pacto sobre o papel do jornalismo e organização temática. A análise identificou que os moradores dos bairros de Joinville são representados de três maneiras: apaixonado, vítima e cidadão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maiara Carvalho Batista, Universidade Federal do Paraná

Jornalista e mestre em comunicação pela Universidade Federal do Paraná.

Carla Candida Rizzotto, Universidade Federal do Paraná

Doutora em Comunicação e Linguagens pela Universidade Tuiuti do Paraná e pós-doutoranda no PPGCom da Universidade Federal do Paraná, com bolsa Capes PNPD.

Downloads

Publicado

2017-01-24

Como Citar

Batista, M. C., e C. C. Rizzotto. “Identidades Estereotipadas: Análise Da representação Dos Moradores De Joinville No Quadro JA Nos Bairros”. Intexto, nº 38, janeiro de 2017, p. 60-79, doi:10.19132/1807-8583201738.60-79.

Edição

Seção

Artigos