Televisão e web frente ao 11 de Setembro

Autores

  • Alessandro Alfieri Università di Roma La Sapienza

Palavras-chave:

Evento. 11 de setembro. Web. TV ao Vivo.

Resumo

Este trabalho tem como objetivo investigar os horizontes social e cultural posteriores aos ataques terroristas de 11 de setembro que estabeleceram uma encruzilhada decisiva na história contemporânea e têm alimentado um intenso debate no âmbito filosófico e sociológico. Esta pesquisa teve como material de análise o cenário midiático surgido durante os ataques e no período subsequente, na televisão e nas novas mídias. A comunicação reflete, em muitos aspectos, a essência da dialética que caracteriza o “evento”, um conceito que tem grande significado e importância para o 11 de Setembro e, ao mesmo tempo, atesta a impossibilidade de resolvê-lo completamente em argumentos de ordem explicativa ou segundo categorias lógico-consequentes. Este vácuo determinado pelo evento, no entanto, em seu contra-senso (ou seja, não totalmente explicável), em vez de excluir cada abordagem e tentativa de compreensão, incentiva uma constante consulta e, especialmente, estimula construções de sentido de vários tipos, muitas vezes de forma narrativa; da repetição obsessiva das mesmas imagens de televisão por semanas, as tentativas para remover o trauma ou explorar o potencial de fascínio do desastre, para as perspectivas mais “progressistas" representadas pela web.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2014-12-15

Como Citar

Alfieri, A. “Televisão E Web Frente Ao 11 De Setembro”. Intexto, nº 31, dezembro de 2014, p. 68-78, https://www.seer.ufrgs.br/index.php/intexto/article/view/48263.

Edição

Seção

Artigos