Crítica, perplexa, de intervenção e de denúncia: a pesquisa já foi assim na América Latina

Autores

  • Christa Berger Unisinos

Palavras-chave:

Teoria da Comunicação. América Latina. Tendências.

Resumo

A intenção, neste texto, é refletir sobre a pesquisa desenvolvida na América Latina, com o objetivo de denunciar a comunicação de massa, identificando seus pressupostos teórico-metodológicos e a localização de seus pólos de difusão. Identifico, na teoria crítica a inspiração epistemológica; na realidade latino-americana a emergência de intelectuais comprometidos que deram guarida a este enfoque; e na Venezuela, Chile e México os países que melhor acolheram esta matriz. Por fim, pretendo acompanhar as apropriações acadêmicas, sociais e culturais desta perspectiva teórico-política que fundou a pesquisa em comunicação na América Latina e onde se encontram seus desdobramentos nos dias atuais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Christa Berger, Unisinos

Pós-Doutorado. Universidade Autonoma de Barcelona, UAB, Espanha. Doutorado em Ciências da Comunicação. Universidade de São Paulo, USP, Brasil. Mestrado em Ciência Política. Universidad Nacional Autonoma de Mexico, UNAM, México.

Downloads

Publicado

2008-04-13

Como Citar

Berger, C. “Crítica, Perplexa, De intervenção E De Denúncia: A Pesquisa Já Foi Assim Na América Latina”. Intexto, nº 6, abril de 2008, p. 21-36, https://www.seer.ufrgs.br/index.php/intexto/article/view/3386.

Edição

Seção

Artigos