Engajamento desterrado: a relação de Vilém Flusser com o Brasil

Autores

  • Rafael Alonso Unisociesc (Joinville-SC)

DOI:

https://doi.org/10.19132/1807-8583202051.46-62

Palavras-chave:

Vilém Flusser. Brasil. Europa. Engajamento. Correspondências.

Resumo

Vilém Flusser é um pensador desenraizado. Judeu e praguense, tem a família assassinada pelos nazistas. Após um ano na Inglaterra, chega ao Brasil em 1940, onde viveria por pouco mais de três décadas. Filósofo multilíngue, faz da autotradução o seu pressuposto de pensamento, postulando que tantas são as realidades quantas forem as línguas articuláveis. Retorna à Europa em 1972 e, a partir de então, leva a vida entre palestras e conferências, sem se filiar formalmente a nenhuma instituição acadêmica. Apesar de sua biografia e filosofia desterradas, o conceito de engajamento não deixou de ser central em sua obra, sobretudo pelo tempo em que viveu no Brasil. É no Brasil que a veiculação afetiva e política a um lugar atravessa o pensamento deste filósofo apátrida, sentimento que o acompanha até o final da vida. A proposta deste artigo, a partir da leitura atenta da correspondência inédita com alguns de seus principais interlocutores, é discutir o engajamento brasileiro de Flusser. A premissa é que Flusser forjou um modelo imaginativo, ainda que sem a pretensão de formular uma “filosofia brasileira”, que pode servir de chave crítica para o entendimento do Brasil contemporâneo. As dúvidas sobre as formas de engajamento no Brasil, que atravessaram a vida de Flusser, especialmente nos anos 1970, estão colocadas à mesa novamente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rafael Alonso, Unisociesc (Joinville-SC)

Graduado em Jornalismo, é mestre e doutor em Literatura pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), tendo feito parte do doutorado na Universidade das Artes (UDK), em Berlim, Alemanha. Atualmente é professor dos cursos de Jornalismo, Publicidade e Propaganda, Design e Cinema da Unisociesc, em Joinville, Santa Catarina.

Downloads

Publicado

2020-12-21

Como Citar

Alonso, R. “Engajamento Desterrado: A relação De Vilém Flusser Com O Brasil”. Intexto, nº 51, dezembro de 2020, p. 46-62, doi:10.19132/1807-8583202051.46-62.

Edição

Seção

Dossiê Flusser: 100 anos