Desempenho acadêmico de doutores egressos do Programa de Pós-Graduação em Medicina Ciências Médicas da Faculdade de Medicina da UFRGS

Autores

  • Vera Susana Vargas Ribeiro Programa de Pós-Graduação em Medicina: Ciências Médicas
  • Lucas F Garcia Programa de Pós-Graduação em Promoção da Saúde, Centro Universitário de Maringá Laboratório de Pesquisa em Bioética e Ética na Ciência, Hospital de Clínicas de Porto Alegre http://orcid.org/0000-0002-5815-6150
  • Edison Capp Programa de Pós-Graduação em Medicina: Ciências Médicas
  • Wolnei Caumo Programa de Pós-Graduação em Medicina: Ciências Médicas

Palavras-chave:

ensino, pós-graduação, publicações, egressos, doutorado, científico, acadêmico, índice de inserção  

Resumo

Introdução: embora, no Brasil, muito tenha sido feito para estimular a criação e manutenção de programas de pós-graduação ainda há carência de meios para avaliar e para mensurar a evolução profissional dos egressos. O objetivo é compreender a trajetória dos Doutores formados pelo Programa de Pós-Graduação em Medicina Ciências Médicas (PPGCM), Faculdade de Medicina, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e propor um índice de desempenho acadêmico e de inserção profissional. Métodos: foi realizado um estudo transversal. Foram coletados dados dos Currículos Lattes dos egressos de doutorado do Programa de Pós-Graduação em Medicina: Ciências Médicas (PPGCM), no período de 1987 a 2014. Foram extraídos apenas os dados pertinentes a sua origem, curso de graduação e de mestrado, produção intelectual, inserção acadêmica e a posição profissional. Resultados: foram analisados 324 doutores egressos, 221 eram graduados em Medicina. Foram utilizadas as variáveis: graduação em medicina, vínculo laboral em universidade pública, exerce atividade como orientador em nível de doutorado, exerce atividade como orientador em nível de mestrado, bolsista de produtividade em pesquisa do CNPq e possui registro do índice H no currículo Lattes. O coeficiente de determinação (R2) demonstrou que as variáveis incluídas no modelo explicam 99% do modelo hierárquico. Conclusão: os resultados demonstram que os egressos têm contribuído para a construção de conhecimento qualificado disseminado em jornais de circulação internacional, formação de recursos humanos, interagir e criar parcerias em seu ambiente de trabalho, gerenciar e repassar o conhecimento, bem como para fomentar o conhecimento na área das ciências médicas com relevância regional, nacional e internacional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-03-11

Como Citar

1.
Ribeiro VSV, Garcia LF, Capp E, Caumo W. Desempenho acadêmico de doutores egressos do Programa de Pós-Graduação em Medicina Ciências Médicas da Faculdade de Medicina da UFRGS. Clin Biomed Res [Internet]. 11º de março de 2021 [citado 6º de outubro de 2022];40(3). Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/hcpa/article/view/89660

Edição

Seção

Artigos Originais

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 > >>