Análise de Concordância entre Métodos de Bland-Altman

Autores

  • Vânia Naomi Hirakata Hospital de Clínicas de Porto Alegre
  • Suzi Alves Camey Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Palavras-chave:

Bland-Altman, Metodologia, Concordância

Resumo

Quando se pretende avaliar a concordância entre dois métodos que deveriam medir a mesma quantidade, são utilizadas análises que nem sempre estão corretas. É importante que seja evitado o uso da correlação nestas situações e que a metodologia seja utilizada de forma adequada, incluindo os limites de concordância e seus intervalos de confiança, além de comentar se os limites encontrados são diferenças aceitáveis do ponto de vista clínico. A proposta do presente artigo é apresentar um método bastante simples que já é utilizado há bastante tempo, que é a análise de concordância entre métodos de Bland-Altman, salientando alguns problemas detectados na sua utilização. Para isto, foi feita uma simulação de três diferentes situações, com comentários e soluções. O programa R, por ser livre e ter incorporado comandos para a análise de Bland-Altman, foi utilizado para a análise dos resultados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vânia Naomi Hirakata, Hospital de Clínicas de Porto Alegre

Unidade de Bioestatística

Grupo de Pesquisa e Pós-Graduação

HCPA

Suzi Alves Camey, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Departamento de Estatística
Instituto de Matemática
UFRGS

Downloads

Publicado

2010-01-14

Como Citar

1.
Hirakata VN, Camey SA. Análise de Concordância entre Métodos de Bland-Altman. Clin Biomed Res [Internet]. 14º de janeiro de 2010 [citado 24º de setembro de 2022];29(3). Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/hcpa/article/view/11727

Edição

Seção

Seção de Bioestatística

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 > >>