Protagonismo histórico e invisilibidade contemporânea: povos indígenas na Região de Integração do Tocantins/PA, ontem (1757-1798) e hoje

Autores

  • Vinícius Zúniga Melo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará / Campus Abaetetuba.
  • Willyan Lourinho de Oliveira Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará / Campus Abaetetuba.

Resumo

O trabalho tem por objetivo analisar a atuação dos povos indígenas que habitavam a Amazônia Colonial Tocantina ao longo da segunda metade do século XVIII, mais especificamente entre os anos de 1757 e 1798. Ao ter como foco analisar a atuação dos diversos indígenas, a pesquisa se propõe a identificar as atividades nas quais estavam envolvidos, as variadas relações sociais por eles estabelecidas e as suas ações engendradas em relação à lei indigenista do Diretório dos Índios. A partir deste objetivo, o trabalho busca destacar uma importante e atuante presença indígena em regiões que hoje conhecemos por Região de Integração do Tocantins, no estado do Pará. Mais do que isso: visa fornecer explicações ao menos parciais para o processo de invisibilidade e diminuição da população indígena na região, tomando como base o processo de mestiçagem que ocorreu ao longo da história, mas que passou por grande intensidade durante a vigência do Diretório.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vinícius Zúniga Melo, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará / Campus Abaetetuba.

Professor de História do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará / Campus Abaetetuba. Mestre em História Social da Amazônia - Universidade Federal do Pará.

Willyan Lourinho de Oliveira, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará / Campus Abaetetuba.

Egresso do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará / Campus Abaetetuba.

Downloads

Publicado

2022-05-16

Como Citar

MELO, V. Z.; OLIVEIRA, W. L. de. Protagonismo histórico e invisilibidade contemporânea: povos indígenas na Região de Integração do Tocantins/PA, ontem (1757-1798) e hoje. Revista Aedos, [S. l.], v. 14, n. 31, p. 206–221, 2022. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/aedos/article/view/99260. Acesso em: 11 ago. 2022.