Paul Veyne e Hayden White: duas visões acerca da narrativa histórica

Autores

  • Julierme Morais Universidade Estadual de Goiás (UEG).

Palavras-chave:

História, narrativa histórica, Paul Veyne, Hayden White.

Resumo

Neste artigo problematizamos o estatuto epistemológico do conhecimento histórico tomando como objeto privilegiado de reflexão as perspectivas teóricas acerca da narrativa histórica e seus condicionamentos/desdobramentos defendidas pelo historiador francês Paul Veyne e pelo teórico estadunidense Hayden White. O cotejo das visões de Veyne e White permite a compreensão de que, muito embora se aproximem, as mesmas possuem divergências teóricas merecedoras de destaque, sobretudo porque interpretações unificadoras elidiram-nas e simultaneamente obscureceram sua potencial contribuição ao debate sobre dimensão criativa/ficcional do ofício do historiador.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2018-09-11

Como Citar

MORAIS, J. Paul Veyne e Hayden White: duas visões acerca da narrativa histórica. Revista Aedos, [S. l.], v. 10, n. 22, p. 263–284, 2018. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/aedos/article/view/76623. Acesso em: 9 dez. 2022.